Cuiabá, Quinta-feira 18/10/2018

Aparte - A | + A

13.06.2018 | 00h00

Força externa

Facebook Print google plus

Mauro Mendes, que assumiu a pré-candidatura a governo do Estado, deixou claro na reunião da cúpula democrata, realizada na noite desta segunda-feira (11), que algumas condições terão que ser favoráveis para o projeto continuar caminhando para frente. Disse, por exemplo, que antes de qualquer decisão, consulta sempre a esposa, Virgínia Mendes que, desde a entrada do marido na política, tem sido uma válvula de escape para eventuais crises, mas também a geradora de crises, com suas postagens em redes sociais.

Dia dos Namorados

O Dia dos Namorados para o casal Mauro e Virgínia, diga-se de passagem, deve ter sido regado a muitos presentes, agrados e mimos do ex-prefeito para a ex-primeira-dama. Tudo para compensar a decisão dele de se colocar à disposição para a disputa ao governo do Estado. Todos devem se lembrar, essa não era a opinião que Virgínia tinha sobre candidaturas do marido a cargos eletivos até bem pouco tempo atrás.

Torcida organizada

Com a decisão do governo do Estado de decretar ponto facultativo nos dias de jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo de 2014, é oficial: nenhum dos Poderes de Mato Grosso vai ter expediente completo nessas datas.
A regra no Judiciário, Legislativo e Executivo é praticamente igual. Vai funcionar assim: trabalho só pela manhã quando as partidas ocorrerem à tarde e folga o dia todo quando os jogos forem pela manhã.
O mesmo esquema será seguido pela Prefeitura de Cuiabá e, provavelmente, pela Câmara Municipal. Azar de quem não é servidor público e vai ter que torcer enquanto trabalha.

Uns lamentam...

E enquanto os democratas comemoram a definição sobre a candidatura própria, tem tucano lamentando. Para o deputado federal Nilson Leitão, a ausência do DEM na chapa do PSDB é uma grande perda.
Se bem que, levando em consideração um passado recente de desentendimentos no ninho, talvez não seja possível afirmar que a constatação do parlamentar foi mesmo em tom de lamúria.

....outros reagem

Mas também já tem tucano articulando como será o contra-ataque. Segundo fontes ligadas a quem pensa na pré-campanha à reeleição do governador Pedro Taques, o chumbo deve ser direcionado para os incentivos fiscais recebidos pelas empresas de Mauro Mendes. Empresas essas, aliás, que não andam tão bem das pernas assim, o que também deve entrar na lista de possível munição, quando a guerra eleitoral tiver início oficial.

Renovação

Quem frequenta o mundo da política mato-grossense tem a impressão que, pela primeira vez, a Assembleia Legislativa pode ter uma renovação no quadro de deputados que atinja ou até supere a marca dos 50% em uma eleição. Só que não é por desistência do pleito de nenhum dos atuais parlamentares, mas por causa de ações judiciais.
Se andar rápido, só a Bereré já pode acabar com os planos de sete dos 24.

Primeiro da lista

Aliás, dos sete deputados estaduais alvos das operações Bereré e Bônus, pelo que parece, um deles já entrou para essa futura estatística, dos que não conseguirão nem tentar se reeleger.
Na reunião do DEM, em que os líderes do partido discutiram o rumo que devem tomar visando às eleições deste ano, dizem, o nome do deputado Mauro Savi, preso desde o dia 9 de maio, não chegou nem perto de ser lembrado.

Profeta

Falando nisso, mais do que pré-candidato a senador da República, Jayme Campos está se tornando um profeta em política eleitoral. Ano passado, quando questionado sobre quem seria candidato nesta eleição, Jayme tascou essa: “primeiro, tem que saber quem estará vivo; segundo, quem não estará solto; e terceiro, quem estará sem tornozeleira”.
Qualquer semelhança com os dias atuais não passa de mera coincidência.

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Qual sua expectativa sobre os políticos que vão ocupar o Congresso Nacional?

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 18/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,20 -2,54%

Algodão R$ 98,99 -0,94%

Boi a Vista R$ 130,33 -0,51%

Soja Disponível R$ 69,50 0,72%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.