Cuiabá, Quarta-feira 17/10/2018

Aparte - A | + A

28.01.2018 | 00h00

Regras

Facebook Print google plus

A regra para composições de CPIs na Assembleia Legislativa é diferente da Câmara de Cuiabá. No Legislativo da Capital, somente quem assinou o requerimento pela instalação da comissão de inquérito pode fazer parte dela, o que não é exigido no Estadual. Mas daí a ocupar três das cinco vagas da CPI com deputados que não queriam a investigação...

Empregos

De acordo com os dados, Rondonópolis gerou 1.660 vagas de emprego no ano passado, Sinop criou 1.519 postos de trabalho e Várzea Grande outros 1.403. Já o município de Cláudia está na outra ponta do levantamento, entre as 50 cidades brasileiras que mais fecharam vagas de emprego formal, ocupando a 43ª posição. Lá, 1.341 postos de trabalho deixaram de existir no ano passado.

Inimigo íntimo

O combate à sonegação, anunciado pelo secretário de Estado de Fazenda, Rogério Gallo, como uma das metas de sua atuação à frente da Pasta vai precisar de um capítulo voltado para os próprios servidores da Sefaz. Cada dia mais, investigações e ações judiciais vêm demonstrando o envolvimento de funcionários do Estado em esquemas de sonegação que beneficiam empresários.

Ranking

Três cidades mato-grossenses estão entre as que mais geraram empregos no país ao longo de 2017. Os dados são do Ministério do Trabalho e, de acordo com levantamento feito pelo portal de notícias G1, Rondonópolis, Sinop e Várzea Grande estão entre as 50 primeiras colocadas, ocupando, respectivamente, a 22ª, a 28ª e a 34ª posições no ranking.

Investigação

Cotado para ser o presidente ou o relator da investigação, o deputado estadual Leonardo Albuquerque (PSD) chegou a conceder inúmeras entrevistas em que afirmava acreditar que a CPI sequer era necessária. A defesa do pessedista era que fosse dado tempo para o governo do Estado apresentar uma justificativa às acusações de que desviou recursos de fundos estaduais.

Gestão feminina

Dos três municípios, dois são governados por mulheres: Sinop, que está sob o comando de Rosana Martinelli (PR), e Várzea Grande, sob a gestão de Lucimar Campos (DEM). A democrata, aliás, assumiu a prefeitura justamente com a missão de recuperar a economia da cidade e a autoestima da população depois de anos de instabilidade política.

Sem descanso

Depois de quatro anos sem mandato, dedicando boa parte de seu tempo a tratamentos de saúde, o ex-deputado federal Júlio Campos (DEM) deve novamente disputar uma eleição neste ano. Segundo ele próprio, a ideia é voltar para a Câmara dos Deputados. De novo, somente o mandato. Nesse período, Júlio não chegou a se “aposentar” realmente da política.

Atrasado

O deputado federal Fábio Garcia (sem partido) afirmou durante a solenidade de inauguração do Ganha Tempo do CPA que, assim como o governador Pedro Taques (PSDB), também tem o sonho de ser prefeito de Cuiabá. Um tanto tarde, se lembrarmos que o parlamentar poderia, muito bem, ter substituído Mauro Mendes na campanha de 2016, quando o ex-prefeito preferiu não tentar a reeleição.
 

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Na França, quem assoviar para mulher na rua pode ser multado

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 17/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,10 -0,90%

Algodão R$ 115,19 1,09%

Boi a Vista R$ 138,00 1,47%

Soja Disponível R$ 72,70 0,14%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.