Cuiabá, Quarta-feira 19/09/2018

Aparte - A | + A

01.12.2017 | 00h00

Tensão

Facebook Print google plus

O adiamento só fez crescer a tensão no governo, uma vez que o mês de dezembro costuma ter o calendário ainda mais apertado na Câmara Federal. Para que o FEX seja liberado, é necessário aprovar os destaques, o mérito, enviar para votação no Senado e, por último, para sanção do governo federal. Tudo isso em poucos dias, para que haja tempo hábil de o recurso chegar aos cofres do Estado. De qualquer forma, o calendário de pagamento dos servidores corre sério risco de ser escalonado novamente, visto que a primeira votação do FEX será feita, no mais otimista dos cenários, no dia 5 de dezembro. Até a liberação do dinheiro, o caminho é longo.

Peregrinações

O governador Pedro Taques não tem outra alternativa a não ser fazer peregrinações em Brasília pela busca da liberação de recursos federais. Segundo ele mesmo, já foi umas ‘10 vezes’ nos últimos meses para tratar do assunto e, na última quarta-feira, finalmente conseguiu liberar os R$ 110 milhões que a Conab deve para Mato Grosso. A articulação contou com ação direta do ministro da Agricultura, Blairo Maggi, e a chegada do dinheiro parecia fácil. Mas as semanas passaram e Taques se viu na obrigação de novamente pressionar membros do governo federal para destravar o recurso.

Mais três

Além de Francisval, os servidores Alexandre Millare Batistela, Eliani Fachim e Benedito Nery Guarim Strobel, também são alvos do PAD. Todos ocupam ou ocupavam cargos de liderança dentro da estrutura da Sema. Strobel, por sinal, já foi apontado como muito próximo de Silval Barbosa. A abertura de investigação consta na edição do Diário Oficial do Estado que circulou na quinta-feira.

Processo

Um dos réus da Operação Seven, o analista ambiental da Secretaria de Meio Ambiente, Francisval Akerley da Costa, passa a responder um processo administrativo disciplinar (PAD), no âmbito do Executivo. Francisval responde criminalmente por envolvimento com a compra fraudulenta de uma área de 727 hectares, cujo valor foi de R$ 7 milhões. O ex-governador Silval Barbosa, ex-secretários e servidores estão no rol de réus.

Itinerante

No próximo dia 8 de dezembro, o projeto ‘AL Itinerante em Ação‘ promove em Araputanga curso de capacitação em Direitos da Criança para 100 professores da Educação Básica e 100 agentes de saúde. O intuito é melhorar as práticas em saúde e educação no atendimento às crianças. O curso já foi ministrado este ano para 400 profissionais em Rosário Oeste e São José do Rio Claro. Os palestrantes são mestres em Educação, Saúde Coletiva e Direito Social da Universidade Federal de Mato Grosso.

Imóveis

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, entregou nessa quarta-feira (30) a Planta de Valores Genéricos do Município para apreciação da Câmara Municipal de Vereadores, que deve passar a vigorar em 2019.
A nova revisão de valores poderá gerar para o município um incremento de 5% a 10% de modo geral, em um período de sete anos, já que a última correção aconteceu em 2010. Durante esse tempo, foram feitas apenas atualizações que supervalorizaram imóveis com o advento da Copa do Mundo de 2014.Os trabalhos de elaboração da nova Planta de Valores Genéricos foram realizados durante seis meses, com a colaboração de 17 entidades, a maioria do ramo imobiliário.

Decepção

Foi flagrante a expressão de decepção no rosto do deputado federal Fabio Garcia (sem partido) durante a sessão noturna da Câmara Federal na última quarta-feira. Em meio à discussão entre o presidente Rodrigo Maia (DEM) e os líderes partidários sobre o que seria votado ainda naquela noite, Garcia tomou a palavra e questionou Maia sobre a votação do FEX, a compensação federal paga aos estados por conta da Lei Kandir. O presidente da Câmara, que minutos antes, havia anunciado a votação em caráter de urgência da matéria, respondeu que duas medidas provisórias tinham prioridade. E o FEX ficou para a próxima semana.

Em Sinop

O município de Sinop será o primeiro do Estado de Mato Grosso a receber uma unidade de prevenção de câncer do Hospital de Câncer de Barretos, em São Paulo, instituição filantrópica referência na prestação de serviços nesta área. O foco é atuar, inicialmente, no atendimento de mulheres por meio de exames da mama e do colo uterino disse, nesta quinta-feira, 30, a presidente da Comissão Pró-Implantação, a médica Anna Letícia Yanai.
De acordo Anna Letícia, o projeto contempla uma sede fixa a ser construída na região do aeroporto municipal e outra base móvel (carreta) dotada com mamógrafo, aparelho de ultrassom, mesa de exames e recepção.
 

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Você sabe o que é o voto útil?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 19/09/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 25.550 0.790

Algodão R$ 119.750 0.530

Boi a Vista R$ 129.600 -0.310

Soja Disponível R$ 74.000 -0.670

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.