Cuiabá, Terça-feira 23/10/2018

Colunas e Artigos - A | + A

07.03.2018 | 00h00

Bom-dia!

Facebook Print google plus

Tenho ultimamente pautado os meus artigos em malfeitos, corrupção e os desmandos deste Brasil varonil. Problemas estes que por serem complexos demandam infindáveis investigações e se projetarão por muito tempo ainda.

E por aqui, para não dizer que saímos de moda, a situação não é diferente da que acontece no Brasil inteiro. Os jornais diários estão noticiando os tortuosos caminhos por que passou e passa a administração pública do nosso Estado. Não vejo como virar esta página, pois a situação se transformou em realismo fantástico como afirmou um notável jornalista mato-grossense.

Escrevo regularmente nesta coluna há um ano. E sempre me preocupo em sair da mesmice e escrever coisas interessantes. Sempre que escrevo e encaminho um texto, preocupo se estou sendo útil. Escrever para cumprir tabela não me seduz. Esta dúvida que me acomete hoje é semanal: sobre o que e de forma escrever?

Hoje, meus caros leitores, eu vou lhes dar apenas bom-dia. E lhes afirmar que esta é a terra do bom humor. A maioria das pessoas se cumprimentam de forma acolhedora e amistosa.

Um conhecido me segredou que aqui em Cuiabá as pessoas se cumprimentam mesmo sem se conhecer. Isto é fruto da cordialidade cuiabana que em mãos talentosas daria uma excelente canção.

Um bom-dia expressa a nossa razão de viver e de viver bem em sociedade.

Percebo que algumas pessoas não dão sequer bom-dia.

É triste e lamentável saber que alguém não tenha sequer para dar UM BOM-DIA!

Portanto, para não lhes "encher o saco", ao menos por hoje, com algum assunto repetido, eu lhes dou BOM-DIA. E vocês, por favor, passem este BOM-DIA a todos que encontrar. Quem sabe isto seria o começo para melhorar o astral deste estéril, ingrato, acanhado e maçante cotidiano em que vivemos. Não podemos deixar que os canalhas e suas canalhices nos roubem, também, a nossa paz e alegria de viver.

Depois da assistimos pela televisão diariamente e repetidamente a vida cruel de desempregados, de refugiados por este mundo afora, e de sermos vítimas de todo tipo de mazelas deste Brasil que não se emenda, vale a pena louvar a vida que temos neste Cuiabá de açúcar.

Ficarei feliz se vocês me devolverem e enviarem a todos os seus amigos e conhecidos UM BOM-DIA!

Renato Gomes Nery é advogado em Cuiabá. E-mail rgnery@terra.com.br

Voltar Imprimir

Comentários

GD

GD

Enquete

O país vai voltar a se unir após as eleições?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 23/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,00 -1,87%

Algodão R$ 93,54 -1,51%

Boi a Vista R$ 131,00 0,00%

Soja Disponível R$ 72,60 -0,27%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.