Cuiabá, Terça-feira 18/09/2018

Fogo Cruzado - A | + A

28.11.2017 | 12h55

Denúncias contra Santa Casa são 'infundadas'

Facebook Print google plus
Divulgação

Diante de denúncias veiculadas na imprensa nos últimos dias apontando para suspeita de má-gestão, altos salários, nepotismo e possíveis desvios de recursos bem como uso indevido de leitos do SUS para fins particulares envolvendo as unidades da Santa Casa de Cuiabá e de Rondonópolis, uma nota foi divulgada nesta terça-feira (28) pela Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos de Mato Grosso (Fehosmt).

No documento, a presidente da Federação, Maria Elisabeth Meurer Alves, garante que as denúncias são improcedentes com intuito de confundir a população e denegrir a imagen das instituições.

Confira na íntegra

Nota de esclarecimento sobre denúncias das Santas Casas de Cuiabá e Rondonópolis

A Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos de Mato Grosso (Fehosmt) vem a público reiterar que desde o início de 2015 vem expondo ao Governo do Estado de Mato Grosso e a população mato-grossense todas as suas dificuldades na manutenção das suas instituições hospitalares filantrópicas, em virtude da defasagem da tabela SUS, sem reajuste há 12 anos, somados os constantes atrasos nos pagamentos dos serviços prestados.

Nos estarrece, nos últimos dias, as infundadas denúncias que sofreram as Santas Casas de Cuiabá e Rondonópolis e seus dirigentes, afim de confundir a população e denegrir a imagem dessas instituições centenárias que são responsáveis pela assistência à saúde da grande população de MT que necessita do SUS. Estas instituições passam diariamente por fiscalização dos órgãos competentes municipais, estaduais e federais, bem como constante auditorias.

Queremos ressaltar que essas instituições representam por 88% de todos os atendimentos de alta complexidade ao SUS de MT e a nossa maior preocupação é o atendimento humanizado com qualidade e eficiência.

Informamos que tais denúncias não vão macular nossas instituições frente á sua importância junto a população de Mato Grosso.
Atenciosamente

Dra. Maria Elisabeth Meurer Alves - Presidente da Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos de Mato Grosso - (Fehosmt).

Voltar Imprimir

Comentários

jose antonio silva - 28/11/2017

Isso é coisa da "trupe" do Grande Circo de de "PEDRO TAQUES" o energúmeno governador desse estado! Faz compromisso, mesmo não obrigado por dispositivos legais, e não os honra! E para ganhar simpatinas da população (os poderosos das urnas) planta ou manda "plantar" falsas noticias, boatos e etc...E aí fica nessa e com apoio de seus asseclas, tentando enganar os "poderosos" eleitores, aqueles mais humildes que na sua santa ignorância e desconhecimento acredita nesse crápula! AS SANTAS CASAS FAZEM MAIS DO QUE DEVERIAM FAZER E NÃO TEM RESPALDO DOS GOVERNOS! SIMPLES ASSIM! ESSA É A SIMPLES VERDADE!

1 comentários

1 de 1

Edição digital

Terça-feira, 18/09/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 27.550 -1.780

Algodão R$ 116.640 1.070

Boi a Vista R$ 126.000 0.000

Soja Disponível R$ 74.000 -1.330

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.