Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 15/07/2019

Fogo Cruzado - A | + A

10.02.2019 | 10h15

Mauro e equipe evitam 'sangrar' ainda mais gestão herdada de Taques

Facebook Print google plus

Marcos Vergueiro

Marcos Vergueiro

Apesar de só falar em crise, calamidade financeira e demissão de servidores públicos, o governador Mauro Mendes (DEM) e o núcleo duro do governo evitam falar ou pelo menos nominar o ex-governador Pedro Taques (PSDB), principalmente o secretário de Fazenda, Rogério Gallo, por motivos óbvios.

 

Há duas leituras para a situação. A  primeira para não ficar com a fama de Taques de só olhar pelo retrovisor. A segunda situação indica que a maioria da população tem conhecimento sobre a herança das dívidas e da falta de medidas para estancar a crise financeira na gestão anterior.

 

O próprio governador já avisou que o Estado vai levar algum tempo, sem precisar o período, para recuperar o fôlego. 

 

 

 

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

GD

GD

Enquete

O Congresso Nacional deve aprovar a lei que regulamenta a educação domiciliar?

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 15/07/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,95 -0,50%

Algodão R$ 92,37 -0,12%

Boi a Vista R$ 129,88 -0,69%

Soja Disponível R$ 68,80 0,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.