Defesa quer que irmão de Dirceu cumpra pena próximo da família | Gazeta Digital

Sexta, 09 de fevereiro de 2018, 15h56

Defesa quer que irmão de Dirceu cumpra pena próximo da família


Estadao

A defesa de Luiz Eduardo de Oliveira e Silva, que foi preso nesta sexta-feira, 9, após ordem do juiz federal Sérgio Moro, na Operação Lava Jato, se manifestou sobre a detenção. Oliveira e Silva é irmão do ex-ministro José Dirceu - já condenado na operação.

A advogada Paula Indalecio, que defende Oliveira e Silva, informou que vai requerer ao juiz Sérgio Moro que o irmão do ex-ministro fique em Ribeirão Preto (SP), perto da família. A defesa vai entrar com um habeas corpus para discutir a prisão perante o Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Moro determinou que o irmão do ministro fosse enviado para a capital do Paraná, berço da Lava Jato. ‘Autorizo desde logo a transferência para o sistema prisional em Curitiba, Complexo Médico Penal, ala reservada aos presos da Operação Lava Jato‘, escreveu.

Em maio de 2016, Moro condenou Luiz Eduardo de Oliveira e Silva a oito anos e nove meses de reclusão por lavagem e pertinência à organização criminosa. O corretor de imóveis recebeu 8 anos de prisão por lavagem e pertinência à organização criminosa.

Em 2Ð instância, o Tribunal Regional Federal da 4Ð Região (TRF-4) aumentou a pena do irmão do ex-ministro. Ele pegou dez anos, seis meses e vinte e três dias de reclusão, em regime inicialmente fechado. 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// leia também

Quarta, 15 de agosto de 2018

20:00 - Lava Jato quer proibir Lula de usar cela na PF como comitê de campanha

17:32 - STF decide que MP pode entrar com ação para obrigar Estado a fornecer medicamento

17:30 - Mobilização pela candidatura de Lula reúne 10 mil pessoas em Brasília

17:13 - Lula declara patrimônio de R$ 7,9 milhões e Haddad, de R$ 428,4 mil

17:09 - Organizações cobram e Marina Silva assume compromisso com crianças

16:30 - Alckmin depõe por uma hora no MP-SP em inquérito sobre suposto caixa 2

14:26 - Bolsonaro não acredita em elevada transferência de votos de Lula para Haddad

14:23 - Haddad rebate Rosa Weber e quer que TSE cumpra rito normal ao julgar Lula

13:30 - Temer exonera superintendente da Sudene

13:20 - Meirelles declara patrimônio de R$ 377 milhões ao TSE


 veja mais
GDEnem

Cuiabá, Quinta, 16/08/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quinta, 16/08/2018
7d0914d59343b99cfc78f130aba8eeb9 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Qual sua opinião sobre os debates com candidatos na TV e rádio?




Logo_classifacil









Loja Virtual