Ministra do STF manda Procuradoria e TCE se manifestarem em 3 dias | Gazeta Digital

Terça, 01 de agosto de 2017, 15h12

afastamento de sérgio ricardo

Ministra do STF manda Procuradoria e TCE se manifestarem em 3 dias

Celly Silva, repórter do GD


A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Carmen Lúcia, determinou o prazo de 3 dias para que o Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT) e a Procuradoria Geral da República (PGR) se manifestem a respeito da ação ingressada pelo presidente do TCE, conselheiro Antonio Joaquim, onde contesta a competência do juiz Luís Aparecido Bortolussi Júnior, da Vara de Ação Civil Pública e Ação Popular de Cuiabá, para afastar do cargo o conselheiro Sérgio Ricardo. 

Fellipe Sampaio

Ministra Carmen Lúcia

A decisão foi proferida na segunda-feira (31). “Manifestem-se, sucessivamente, os interessados e a procuradoria-geral da República (art. 4º, § 2º, da Lei 8.437/1992). 3. Na sequência, retornam os autos à Presidência deste Supremo Tribunal”, registrou.

Após receber os autos conclusos, a magistrada vai decidir se suspende ou não o afastamento de Sérgio Ricardo do cargo de conselheiro de contas, o que foi determinado por Luís Aparecido Bortolussi, em janeiro deste ano.

A ação de suspensão de liminar foi ingressada pelo TCE, na última quinta-feira (27).

Sérgio Ricardo foi afastado após ser acusado de comprar a vaga de conselheiro, anteriormente ocupada por Alencar Soares pelo preço de R$ 12 milhões, dinheiro supostamente obtido por meio de corrupção durante a gestão do ex-governador e atual ministro da Agricultura Blairo Maggi (PP).

O intermediador da operação teria sido o ex-secretário Eder Moraes, que também foi quem denunciou o caso. Ele depois tentou voltar atrás negando tudo o que havia dito, mas o Ministério Público não levou em consideração seu "desmentido".

Sustenta o MPE que o dinheiro utilizado para a compra da vaga de conselheiro saiu de empréstimos concedidos por Júnior Mendonça, por intermédio de Eder Moraes que operava o esquema com aval e conhecimento de Blairo Maggi e Silval Barbosa. O ex-deputado Sérgio Ricardo tomou posse no TCE como conselheiro no dia 16 de maio de 2012. 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quarta, 07 de fevereiro de 2018

14:23 - Recurso de Blairo Maggi contra bloqueio de R$ 4 milhões sobe para o STJ

Terça, 14 de novembro de 2017

20:48 - TJ nega pedido de Blairo Maggi para afastar juiz

Quarta, 02 de agosto de 2017

11:37 - Por compra de vaga, Riva segue com as contas bloqueadas em R$ 4 mi

Quinta, 27 de julho de 2017

18:36 - TCE tenta anular no STF o afastamento de conselheiro

Quarta, 26 de julho de 2017

12:20 - Sérgio Ricardo acusa conselheiro substituto de manobra para 'tomar' vaga

Terça, 25 de julho de 2017

15:39 - Juíza proíbe Sérgio Ricardo de entrar no prédio do TCE

Quinta, 13 de julho de 2017

09:07 - Sérgio Ricardo diz que não pode pagar advogado, mas juiz nega Justiça gratuita

Quarta, 24 de maio de 2017

15:11 - TJ nega recurso de Sérgio Ricardo e mantém afastamento e bloqueio de bens

Terça, 16 de maio de 2017

18:38 - Dois desembargadores votam contra o retorno de Sérgio Ricardo

Quinta, 13 de abril de 2017

16:57 - Desembargadora mantém Sérgio Ricardo afastado do TCE


// leia também

Terça, 20 de fevereiro de 2018

15:05 - Justiça Federal libera 90 municípios de MT para receber repasses federais

10:27 - Apartamento de R$ 470 mil do delator Pedro Nadaf é arrematado em leilão

08:44 - Sargento chora e defende o cabo Gerson; 'Era um bom profissional' - fotos e vídeo

08:00 - Savi e Botelho são apontados como líderes de organização criminosa por delator

00:00 - João Arcanjo deixa a prisão na próxima segunda-feira

Segunda, 19 de fevereiro de 2018

19:20 - Juiz afasta prefeita Luciane Bezerra por 180 dias

18:23 - MPE arquiva inquérito e concurso de delegado deve ser retomado

16:41 - Empresa pagou R$ 1,5 milhão para Savi e Silval garantirem contrato no Detran

16:30 - CGE já apontava fraudes no Detran desde 2011

15:05 - Desembargador nega prisões de 49 investigados por fraudes no Detran - veja lista


 veja mais
Cuiabá, Terça, 20/02/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Terça, 20/02/2018
768bdb65035787436f1bc4ad07df1cf3 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Após 15 anos, Arcanjo deixa a prisão e vai cumprir regime semiaberto




Logo_classifacil









Loja Virtual