STJ deixa major ficar junto com a esposa servidora pública | Gazeta Digital

Quarta, 06 de dezembro de 2017, 11h47

acusado de grampos

STJ deixa major ficar junto com a esposa servidora pública

Celly Silva, repórter do GD


O major PM Michel Ferronato, outro investigado no caso das interceptações telefônicas ilegais, também pediu ao ministro Mauro Campbell, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que lhe autorizasse a manter contato com sua esposa, que é servidora efetiva do Estado de Rondônia, porém, cedida ao Estado de Mato Grosso com o cargo comissionado de assistente técnico I, vinculada à Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp).

José Alberto/Reprodução

Michel Ferronato (detalhe) contou com decisão favorável de ministro

O requerimento se deve ao fato de que uma das medidas cautelares impostas ao réu, quando teve sua prisão preventiva revogada no caso dos grampos, era a proibição de manter contato com servidores e órgãos públicos ligados ao governo, principalmente ligados à Sesp.

Leia também - Ministro desmembra processo e militares serão investigados em Cuiabá

Considerando que a esposa de Michel Ferronato não é investigada no inquérito, o ministro, acolhendo parecer do Ministério Público Federal (MPF), atendeu ao pedido do major. Dessa forma, ele e a esposa não precisam ficar separados enquanto tramita o processo.

Na mesma decisão, o magistrado atendeu outra solicitação do policial, que queria um horário fixo para seu recolhimento domiciliar noturno, outra medida restritiva à qual está imposto. O MPF sugeriu o período entre 19h e 7h da manhã e assim ficou estabelecido. A decisão foi proferida na última sexta-feira (1º) e publicada nesta terça-feira (5).

Leia também - Major aponta suspeição de Perri e desqualifica escrivão usuário de drogas

Michel Ferronato foi um dos presos na operação Esdras, que apurou esquema de espionagem clandestina, por meio de escutas telefônicas na modalidade “barriga de aluguel”.

Ele é acusado pelo ex-escrivão do inquérito policial militar relativo ao caso, José Henrique Costa Soares, de tê-lo abordado a mando da organização criminosa para obter informações sigilosas das investigações, inclusive dizendo que o tenente-coronel poderia ser promovido caso colaborasse na tentativa de atrapalhar as investigações.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Domingo, 21 de janeiro de 2018

10:32 - Desafio de Taques é reconstruir base e vencer eleição no 1º turno, diz Wilson

Sexta, 19 de janeiro de 2018

13:03 - Posse no staff de Pedro Taques é desprestigiada

10:41 - Pedro Taques diz que não há rixa com deputados

Quarta, 17 de janeiro de 2018

17:26 - Governador Taques busca liberação de R$ 100 milhões para a saúde

16:24 - Chineses anunciam investimentos de US$ 22 milhões em Mato Grosso

Terça, 16 de janeiro de 2018

16:44 - Silval detona Taques e diz que fechou gestão com pagamentos em dia

Sábado, 13 de janeiro de 2018

09:15 - Novo sistema de transporte intermunicipal deverá incrementar turismo

Sexta, 12 de janeiro de 2018

13:20 - Taques rebate sindicalistas e afirma que honrou com reajuste dos servidores

07:30 - Taques veta projeto que obrigava prestação de contas sobre renúncias fiscais

Quinta, 11 de janeiro de 2018

11:01 - Estado publica edital de concessão de 533 km e terá leilão na bolsa


// leia também

Sábado, 20 de janeiro de 2018

08:05 - Transsexual consegue mudar o nome masculino para feminino e o gênero

08:00 - Operário aparece bêbado no serviço, xinga todo mundo e leva justa causa

07:50 - Auxílio-alimentação só é considerado salário se não houver contrapartida do trabalhador

Sexta, 19 de janeiro de 2018

13:53 - Juiz de Colniza se declara suspeito para julgar réus por morte de prefeito

11:53 - MPE ingressa com ação para Paranaíta ofertar vagas em creches

10:08 - TJ aumenta indenização que clínica odontológica terá que pagar a paciente

07:00 - MPE entra com ação para impedir suspensão de serviços em hospital

Quinta, 18 de janeiro de 2018

18:15 - Por suspeita de fraude, MPE exige anulação de concurso em Alto Garças

17:23 - Inclusão de pessoas com deficiência é tema de palestra no TJMT

16:42 - Juiz libera 36 imóveis, veículos e avião de 2 delatores da Ararath


 veja mais
Cuiabá, Segunda, 22/01/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Segunda, 22/01/2018
B4d605b0d0dc7c24992b546d8bbdc897 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Algum novato, de fora da política, pode surpreender nas eleições para presidente da República?




Logo_classifacil









Loja Virtual