Reprovação em exame psicotécnico pode eliminar candidato em concurso | Gazeta Digital

Segunda, 05 de fevereiro de 2018, 10h54

Reprovação em exame psicotécnico pode eliminar candidato em concurso

Vlademir Cargnelutti, repórter do TJ


A exigência do exame psicotécnico, de caráter eliminatório, ainda que em processo seletivo interno, de caráter eliminatório, não configura ilegalidade, desde que previsto em lei e no edital regulamentador do certame e seja realizado de forma objetiva, com critérios previamente conhecidos. Com este argumento a Turma de Câmaras Cíveis Reunidas de Direito Público e Coletivo do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) negou o pedido de liminar feito em mandado de segurança impetrado por um candidato reprovado em concurso da Polícia Militar (PM).

Chico Ferreira


De acordo com o processo, a PM abriu processo seletivo interno para o Curso de Habilitação de Oficiais Administrativos. Um candidato que é 1º Sargento e integra a corporação há 12 anos foi aprovado nas 4 fases eliminatórias, mas foi reprovado na avaliação psicológica, por não ter demonstrado adequação ao perfil profissiográfico para o exercício do cargo.

Inconformado com a decisão do processo seletivo o candidato impetrou mandado de segurança contra o comandante-geral da Polícia Militar. Ao julgar o caso, os desembargadores, à unanimidade, denegaram a ordem, por entenderem que a jurisprudência do Tribunal tem se orientado no sentido de que a exigência do exame psicológico, de caráter eliminatório, para ingresso na carreira militar não fere nenhum dispositivo constitucional, desde que previsto em lei.

Com o indeferimento da liminar, o colegiado determinou a manifestação do comandante da PM, para o julgamento do mérito.

Confira AQUI a íntegra da decisão do Mandado de Segurança 1005331-70.2017.8.11.0000. 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// leia também

Quinta, 24 de maio de 2018

17:49 - Pedido de vista adia julgamento que tenta reverter cassação de Lucimar Campos

16:12 - 'Rei do Algodão' consegue suspender leilão de fazenda de R$ 349 milhões

15:58 - Maioria vota por manter prisão de Savi, mas julgamento é adiado

15:40 - Começam as audiências em ação contra 13 réus por rombo R$ 7 milhões

12:43 - Ex-assessores da juíza Selma Arruda citam 'nervosismo' em audiêcia

11:54 - TJ mantém preso contador envolvido em sonegação de R$ 143 milhões

10:21 - Ex-presidente da Associação dos Servidores da ALMT perde estabilidade

09:14 - Juiz mantém prisão de mandante e autor do assassinato de personal

07:30 - Juiz rejeita prescrição e torna empresário e servidor réus por fraudes na SES

Quarta, 23 de maio de 2018

20:01 - Presidente do TJ concede escolta policial à juíza Selma Arruda por mais 24 horas


 veja mais
Cuiabá, Quinta, 24/05/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Quinta, 24/05/2018
277143c492047e9092189af323a8546f anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Dia da Liberdade de Impostos mobilizou comerciantes de todo o país nesta quinta-feira (24)




Logo_classifacil









Loja Virtual