Fabris volta a ser julgado por desvio de R$ 1,5 milhão na Assembleia | Gazeta Digital

Quarta, 13 de junho de 2018, 10h04

Política de MT

Fabris volta a ser julgado por desvio de R$ 1,5 milhão na Assembleia

Arthur Santos da Silva, repórter do GD


Os desembargadores do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) retomam na quinta-feira (14) processo que julga o deputado estadual Gilmar Fabris (PSD) por supostamente ter desviado R$ 1,5 milhão da Assembleia Legislativa (ALMT).

Chico Ferreira

O exame deve ser retomado após pedidos de vistas do desembargadores Orlando Perri e Alberto Ferreira. Os magistrados votam pela possível condenação a prisão e perda do cargo publico. A favor da condenação estão 16 desembargadores. Outros 3 votaram pela absolvição.

Narra a denúncia que, durante o ano de 1996, o réu Gilmar Fabris, então presidente da Assembleia Legislativa, em conluio com o ex-deputado José Geraldo Riva e os servidores Guilherme da Costa Garcia, Agenor Jácomo Clivati e Djan da Luz Clivati, “associaram-se com o fim de cometer crimes”.

De acordo com a peça acusatória, os denunciados desviaram dinheiro público. Na oportunidade, Fabris, Riva e Guilherme da Costa assinaram 123 cheques, totalizando a quantia de R$ 1,5 milhão. O Dinheiro era destinado a mais de 30 empresas como suposto pagamento de serviços prestados ao órgão.

Porém, segundo o Ministério Público, as transações eram fraudulentas. Em momento posterior, as quantias eram depositadas em contas ligadas ao esquema.

O processo no Tribunal de justiça de Mato Grosso julga apenas Gilmar Fabris por prerrogativa de foro privilegiado. Os outros nomes tiveram processo desmembrado e os autos foram encaminhados para a Justiça comum.
 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Segunda, 11 de junho de 2018

08:16 - Governador confessa dever R$ 200 milhões aos Poderes de Mato Grosso

07:55 - Taques recorre para não pagar duodécimo e tenta fugir de bloqueio

Sexta, 08 de junho de 2018

07:56 - PSL fica sem pré-candidatura ao governo de Mato Grosso

Segunda, 21 de maio de 2018

07:45 - STF manda para Mato Grosso investigação criminal contra Sachetti

Terça, 08 de maio de 2018

10:05 - MPE notifica Luiz Soares por omissão de informações da Saúde - veja documento

Sexta, 13 de abril de 2018

07:55 - STF livra Leitão em processo por fraudes em conjunto com construtoras

Quinta, 12 de abril de 2018

07:08 - STF encerra instrução e está próximo de sentenciar Sachetti por crime de responsabilidade

Sexta, 06 de abril de 2018

08:03 - Ex-secretário da Assembleia Legislativa perde estabilidade funcional após ação

Quinta, 05 de abril de 2018

08:02 - Polícia Federal tem 90 dias para investigar Ezequiel Fonseca por compra de votos


// leia também

Segunda, 18 de junho de 2018

19:44 - Supremo mantém Paulo Taques preso 51 dias após operação

17:30 - Ex-deputado confirma ter recebido R$ 50 mil gravado em vídeo de delator

14:16 - PF sugere 144 novos inquéritos por delações de família Barbosa

11:15 - Emanuel diz à PF que aliado de Silval o gravou para fazer chantagem

08:29 - Juiz suspende escolta concedida à juíza Selma Arruda e não afasta Taques

08:01 - Empresário acusado de lavar dinheiro da Bereré pede liberdade no STJ

06:00 - Perícia da PF confirma mensagens apagadas do celular de Blairo após apreensão

Domingo, 17 de junho de 2018

11:40 - Metalúrgica de Alta Floresta é condenada por trabalho infantil

11:31 - Menor que trabalhava como mecânico de automóveis receberá R$ 10 mil em indenização

11:21 - Rede de supermercados é condenada em R$ 5 milhões por descumprir normas


 veja mais
Cuiabá, Segunda, 18/06/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Segunda, 18/06/2018
4e47432e5d7c10f8cc440c97a233c10f anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Reino Unido firma pacto com empresas para reduzir uso de plástico e poluição




Logo_classifacil









Loja Virtual