Chefes da Sejudh, Sesp e mais 2 ex-secretários são presos por grampos | Gazeta Digital

Quarta, 27 de setembro de 2017, 07h10

veja a lista

Chefes da Sejudh, Sesp e mais 2 ex-secretários são presos por grampos

Janaiara Soares, repórter do GD


A Gazeta

Rogers (segurança), Siqueira (Justiça), Taques (ex-Casa Civil) e Lesco (ex-Casa Militar)

Atualizada às 11h - A Polícia Civil deflagrou operação na manhã desta quarta-feira (27) para cumprir 8 mandados de prisões contra envolvidos no esquema de grampos em Mato Grosso. Entre os presos está o coronel Airton Benedito Siqueira Júnior, secretário de Justiça e Direitos Humanos. Também foram presos o ex-chefe da Casa Militar, Evandro Lesco e o ex-secretário chefe da Casa Civil, Paulo Taques.

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso também decretou as prisões do secretário afastado de Estado de Segurança Pública (Sesp), Rogers Jarbas, que na semana passada já havia sido alvo de mandado judicial que o afastou do cargo e impôs o uso de tornozeleira eletrônica.

João Vieira

Viatura chegando ao Fórum de Cuiabá com 2 pessoas presas na operçaão

Outros presos são o sargento João Ricardo Soler, o major Michel Ferronato, ambos da Polícia Militar, e o empresário José Marilson da Silva, dono da Simples Ypê e a personal trainer, Helen Christy Carvalho Dias Lesco, esposa de Evandro Lesco.

Operação Esdras busca ainda cumprir também 1 ordem de condução coercitiva e 16 mandados de busca e apreensão. As prisões e buscas foram requeridas pela delegada da Polícia Civil, Ana Cristina Feldner, responsável pelo inquérito que investiga o esquema das escutas telefônicas clandestinas no âmbito da Polícia Civil. No Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ/MT), que autoriza as investigações e medidas judiciais, o responsável é o desembargador Orlando de Almeida Perri.

Contra os presos pesa a acusação de tentarem atrapalhar as investigações sobre o esquema de escutas telefônicas ilegais na modalidade "barriga de aluguel" que era operado por um núcleo a Polícia Militar tendo como vítima dos grampos políticos de oposição ao atual governo, empresários, servidores públicos, médicos, jornalistas e até um desembargador aposentado.

Os presos foram encaminhados para o Fórum de Cuiabá onde vão passar por audiência de custódia antes de serem encaminhados para unidades prisionais da Capital. 

Veja lista dos presos

 Airton Benedito Siqueira Junior - Secretário de Justiça e Diretos Humanos
Rogers Elizandro Jarbas – Secretário Segurança Pública (já estava afastado do cargo há 7 dias)
Evandro Alexandre Ferraz Lesco – coronel da PM e ex-secretário da Casa Militar (exonerado do cargo de secretário por causa do esquema dos grampos)
Paulo César Zammar Taques – Advogado, primo do governador Pedro Taques e ex-secretário da Casa Civil (deixou a Casa Civil em maio quando o esquema do grampos foi denunciado por Mauro Zaque, ex-secretário de Segurança e promotor de Justiça)
José Marilson da Silva - empresário
Helen Christy Carvalho Dias Lesco – Personal trainer e esposa do coronel Evandro Lesco
João Ricardo Soler – Sargento da Polícia Militar
Michel Ferronato - Major da Polícia Militar

Condução coercitiva 
Carlos Eduardo Pinheiro da Silva – coronel e corregedor da Polícia Militar

(Colaboração de Izabel Barrizon e Keka Werneck)

Mais informações em instantes

 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quarta, 21 de fevereiro de 2018

08:53 - Desembargador mantém prisão do cabo Gerson para proteger testemunhas

Terça, 20 de fevereiro de 2018

11:05 - Estado quer trocar dívida de banco americano com Banco Mundial

08:44 - Sargento chora e defende o cabo Gerson; 'Era um bom profissional' - fotos e vídeo

Sexta, 16 de fevereiro de 2018

09:21 - Preso por grampos, cabo Gerson pede liberdade e aponta falta de isonomia

Quinta, 15 de fevereiro de 2018

16:30 - Ministro do STJ permite que casal Lesco volte a manter contato

Quarta, 14 de fevereiro de 2018

10:19 - Juiz interroga mais testemunhas contra militares envolvidos com grampos

Segunda, 12 de fevereiro de 2018

17:27 - Justiça pede intervenção federal em MT; PGE diz que pagou dívida e pedido é incabível

Sexta, 09 de fevereiro de 2018

20:03 - MP quer manutenção de prisões de militares envolvidos na grampolândia

19:29 - Defesa contesta liberdade do coronel Zaqueu por 'ter mais crimes'

13:49 - Juízes mantém cabo Gerson preso; coronel Zaqueu ganha domiciliar


// leia também

Quarta, 21 de fevereiro de 2018

09:38 - Ex-secretário que gravou conversa com delator é interrogado

Terça, 20 de fevereiro de 2018

17:45 - Botelho diz que sabia de fraude e admite que errou ao manter contrato no Detran

17:07 - Executiva do PDT indica Viana como pré-candidato; deputado torce por Mendes

15:48 - Savi diz que 'não tem medo do MP' e permanece à frente da CPI

11:36 - Vereador pede que depoimento de Sílvio em CPI seja enviado ao MPF

09:46 - Blairo Maggi deve recuar de disputa no Senado e deixar a política

Segunda, 19 de fevereiro de 2018

15:07 - Taques diz que Botelho é amigo e merece defesa após operação Bereré

Domingo, 18 de fevereiro de 2018

09:15 - Centrais sindicais protestam em Cuiabá por 'aposentadoria digna'

Sexta, 16 de fevereiro de 2018

18:21 - Advogado de Emanuel alega omissão e contradição em depoimento de delator

15:46 - PTB faz apelo para Antonio Joaquim manter filiação e candidatura em MT


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 21/02/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 21/02/2018
8f70e213f4be8d228fc2aa2916150244 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Preço da gasolina em MT custa o triplo do preço da refinaria




Logo_classifacil









Loja Virtual