Ex-prefeito Mauro Mendes detona gestão de Pedro Taques | Gazeta Digital

Quinta, 08 de fevereiro de 2018, 12h16

fim da amizade

Ex-prefeito Mauro Mendes detona gestão de Pedro Taques

Celly Silva, repórter do GD


O ex-prefeito de Cuiabá Mauro Mendes (PSB) fez várias críticas ao governador Pedro Taques (PSDB) e sua gestão à frente do Executivo estadual, nos últimos 4 anos. Para ele, faltou planejamento para tomar medidas no momento certo e evitar as diversas crises pelas quais o governo tem passado, como atrasos na folha de pagamento dos servidores e nos repasses de duodécimos aos demais poderes, por exemplo.

João Vieira/Chico Ferreira

Ex-prefeito Mauro Mendes e governador Pedro Taques

Mendes atacou o discurso de Taques, que atribui à crise financeira os problemas de sua gestão. “A crise veio, foi em 2015 e 2016. Houve uma crise séria no Brasil, houve muito desemprego, caiu arrecadação, empresas fecharam portas, houve muita crise realmente nesse período. Em 2017, a crise já acabou. Houve crescimento econômico, o PIB voltou a crescer, a geração de emprego voltou a ser positiva, houve aumento de arrecadação dos impostos. Aqui em Mato Grosso me parece que os impostos cresceram nesses 3 anos. Então, reclamar e jogar a culpa na crise é muito mais pra quem não fez a lição de casa na hora certa”, apontou.

A declaração foi feita em entrevista ao programa Tribuna, na Rádio Vila Real FM, na manhã desta quinta-feira (8). “Tem muita coisa boa que já aconteceu em 2017, então não dá mais pra ficar com o discurso de crise!”, completou Mendes. Na mesma entrevista, ele admitiu que não tem mais obrigação de manter aliança com o governador. 

Leia também - Mauro Mendes lamenta, mas diz que não tinha obrigação de ser candidato novamente

Em paralelo, Mauro Mendes deu o próprio exemplo tirado de quando estava à frente da Prefeitura de Cuiabá.

“A crise que se fala muito no Brasil lá em 2014, quando terminou a Copa, no segundo semestre, eu comecei a sentir o cheiro da crise, conversei com alguns amigos empresários em Brasília, aqui, em São Paulo e eu percebi claramente que vinha uma crise pela frente. Esses sinais da crise já estavam estampados, alguns analistas já começavam a escrever sobre isso. E aí, eu tomei medidas na Prefeitura. Em novembro de 2014, eu fui na prefeitura e reduzi de 23 secretarias pra 17. Cortei gastos, demiti comissionados, fiz um enxugamento na máquina, fiz contingenciamento. Quando eu fiz uma reunião pra anunciar isso, alguns secretários meus ficaram assustados. ‘Pô, Mauro, como é que você pode estar pessimista assim? Aonde está essa crise que você está falando?’ Era pouca gente que percebia. Eu falei: ‘Gente, vamos nos preparar pro pior porque se não acontecer, vai sobrar dinheiro e nós vamos investir na cidade de Cuiabá. Se a crise vier, nós estamos preparados pra ela’. Então, lá em 2014 nós nos preparamos”, recordou.

O ex-prefeito também atacou outro discurso utilizado por Pedro Taques ao atribuir os problemas enfrentados no Estado ao antecessor Silval Barbosa. “Não tem como não dizer que não houveram erros! Aí é tapar o sol com a peneira, é não falar a verdade. Cabe ao governo, o próprio governador vir a público dizer quem errou. Ficar falando só que é Silval Barbosa, ele poderia no começo do mandato dele, ter tomado as medidas e corrigido alguns erros que ele atribui ao Silval Barbosa!”, criticou.

Mauro Mendes ainda lembrou que durante toda a atual gestão, ouviu do governador que reformas administrativas e tributárias seriam feitas, mas acabaram não acontecendo e disparou: “Com conversinhas fiadas, com promessinhas vazias, você não administra”. 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Segunda, 30 de abril de 2018

09:24 - Juíza processada em ação com Mendes garante bloqueio de R$ 300 mil

Sexta, 20 de abril de 2018

08:31 - Mauro Mendes sofre bloqueio de R$ 300 mil em ação por fraude em leilão

Quarta, 14 de fevereiro de 2018

10:00 - Mendes diz que 'sumiu' para cuidar da empresa em recuperação e da família

Quinta, 08 de fevereiro de 2018

09:17 - Mauro Mendes lamenta, mas diz que não tinha obrigação de ser candidato novamente

Sexta, 24 de novembro de 2017

16:45 - Prefeitura de Jaciara vence ação de cobrança contra empresa de Mauro Mendes

Terça, 21 de novembro de 2017

19:35 - Justiça manda periciar laudo sobre compra de mineradora por Mauro Mendes

Sexta, 13 de outubro de 2017

10:48 - Mauro Mendes é intimado a se explicar por crítica contra juiz

Segunda, 13 de fevereiro de 2017

16:08 - PP e PR querem Mauro Mendes na oposição

Terça, 17 de janeiro de 2017

08:50 - Mendes nega sociedade com Silval

Segunda, 16 de janeiro de 2017

17:38 - Mauro e Silval aparecem como sócios de mineração


// leia também

Terça, 22 de maio de 2018

18:17 - Câmara cassa vereador acusado por sexo com menor e dinheiro falso

07:30 - Sindicato de servidores quer defender RGA e organiza protesto no TCE

Segunda, 21 de maio de 2018

18:46 - Prefeitura de Cuiabá paga reajuste de 1,69% aos servidores

11:52 - Controladoria faz auditoria em gestão financeira e contábil do Estado

11:14 - Progressista descarta aliança e declara oposição a Taques

Domingo, 20 de maio de 2018

15:00 - Jayme rompe com Taques, fala em 'estelionato' e quer Mendes para governo

08:30 - Governador vai exigir que hospitais comprovem prestação de serviços

08:00 - PSD vai punir 'desobedientes' que apoiarem Taques, afirma Neurilan Fraga

Sábado, 19 de maio de 2018

15:13 - Democracia Cristã lança pré-candidatura de Roberto Barra ao Senado

08:35 - Não vou discutir o passado, diz senador ao rebater Pedro Taques


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 23/05/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 23/05/2018
C00a5c77f5135796e2f638a16979bea8 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Alta no preço dos combustíveis vem pesando no bolso dos brasileiros




Logo_classifacil









Loja Virtual