Quarta, 11 de janeiro de 2017, 16h57

sobre obras do VLT

Wilson afirma que está cumprindo decisão judicial

Fernanda Leite, repórter do GD


O secretário de Cidades do Estado, Wilson Santos (PSDB), alegou que a retomada das obras do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) não irá interferir no relatório da CPI das obras da Copa, conduzida pelo deputado Oscar Bezerra (PSB).

Wilson disse que estaria cumprindo uma decisão judicial que solicita num prazo de 30 dias uma posição quanto a obra do VLT. “Estamos tratando na ponta com o Ministério Público Estadual e Federal. Existe uma decisão da justiça Federal que deu 30 dias para que o governo e o Consórcio se entenderem. Ou extinguem o contrato ou entrem num consenso”, explica Santos, ao comentar a decisão.

O presidente da CPI, deputado Oscar avaliou que a retomada das obras do modal poderia fazer com que os trabalhos da CPI fossem desconsiderados. Ele chegou a dizer que Wilson poderia “patrolar” a Assembleia Legislativa.

“Fui membro suplente desta CPI e nenhum momento desrespeitei os colegas. A questão está judicializada e tem 4 ações, tenho tratado este tema com MPE e MPF bem adiantada não há desrespeito contra a Comissão. As vezes que socorri a CPI que não tinha quórum fiz diversos questionamentos ao ex-governador Silval Barbosa (PMDB) e outros que participaram da construção dessas obras”, pontou.

O tucano elogiou o trabalho de Oscar na Comissão. “O deputado conduziu a CPI de maneira plausível e exemplar”.

 

 



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quarta, 08 de fevereiro de 2017

08:33 - Trincheira do Verdão volta a ser interditada

Sexta, 03 de fevereiro de 2017

17:39 - Trincheira do Verdão fica interditada no fim de semana

16:58 - Relatório definirá andamento das ações do VLT

Quarta, 25 de janeiro de 2017

14:42 - Juiz mantém paralisação das obras VLT por mais 45 dias

Sexta, 13 de janeiro de 2017

10:39 - Ex-diretor do VLT no Rio assume cargo na Secid

Quinta, 12 de janeiro de 2017

13:12 - Estado planeja concluir obra do VLT em 2 anos

Quarta, 11 de janeiro de 2017

08:35 - 'Tocar obra do VLT é patrolar Assembleia'

Terça, 10 de janeiro de 2017

10:22 - Estado avalia empréstimo; Emanuel promete parceria

Sexta, 18 de novembro de 2016

11:21 - Juiz nega bloqueio e prorroga suspensão do contrato

Quarta, 16 de novembro de 2016

12:24 - Estado avalia vender vagões do VLT, diz deputado


// leia também

Quinta, 23 de fevereiro de 2017

17:55 - Emanuel nomeia 54 comissionados para cargos de 2º e 3º escalões

16:55 - Emanuel veta projeto de criação da Secretaria de Esportes

16:24 - Thelma exige respeito de prefeito de Campo Verde

10:01 - MPE diz ser inaceitável prorrogar dívida do duodécimo

09:42 - Prefeito garante 'Conecta Cuiabá' nos principais pontos públicos

09:38 - Estado sobe para R$ 300 milhões repasses da saúde

09:15 - PSDB defende vaga ao Senado e crê em aliança do PSB com Pedro Taques

08:16 - Governo avalia usar recursos do Fethab na Saúde

Quarta, 22 de fevereiro de 2017

17:59 - Irmão de Wilson Santos vai ser investigado por ameaçar servidores

17:50 - Ministro anuncia investimento de R$ 284 milhões no setor energético de MT


 veja mais
Cuiabá, Sexta, 24/02/2017
 

WhatsApp Twuitter
WhatsApp

Fogo Cruzado waze

titulo_jornal Sexta, 24/02/2017
A62e5578094d90cd223922c882d8cb18 anteriores




Rádios ao vivo
  • cbn
  • cbn
Indicadores Financeiros
Dólar Comercial 3,0656 -0,12%
Ouro - BM&F (à vista) 122,40 +0,66%
+ veja mais
Mercado Agropecuário
Boi Gordo @ 126,00
Soja - saca 60 kg 64,50
+ veja mais
Mais Lidas Enquete

Reforma trabalhista prevê que patrões e empregados poderão negociar a jornada de trabalho, desde que não exceda 220h/mês. Qual sua opinião?



Logo_classifacil