Jajah ameaça acionar Janaina por quebra de decoro | Gazeta Digital

Quinta, 18 de maio de 2017, 12h26

BRIGA NO PARLAMENTO

Jajah ameaça acionar Janaina por quebra de decoro

Celly Silva, repórter do GD


Após um bate-boca com a deputada estadual Janaina Riva (PMDB) durante sessão plenária na Assembleia Legislativa, na noite de quarta-feira (17), em que foi chamado de “ladrão” pela peemedebista, o deputado estadual Jajah Neves (PSDB) disse que vai acioná-la no Parlamento por quebra de decoro. “Eu vou acioná-la dentro do parlamento por quebra de decoro e vou acioná-la nos meios legais”, afirmou Jajah aos jornalistas.

JL Siqueira/ALMT

Deputados trocaram ofensas durante sessão na Assembleia Legilslativa

Durante sua fala na tribuna, ele havia defendido o governador Pedro Taques (PSDB) da acusação de grampos ilegais e o secretário de Estado de Comunicação Kléber Lima pelo compartilhamento de imagem íntima de Janaina, a criticando por se dizer humilhada pelo vazamento de foto e argumentando que ela própria publicou na internet a imagem em que aparece de pijama.

Jajah Nenves também criticou o fato de Janaina querer instaurar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar as suspeitas de grampos ilegais. “Trazer CPI pra este parlamento pra quê? Pra fazer algazarra e mais politicagem?! Órgãos competentes já estão investigando”, disse.

Ele também criticou a parlamentar por “trazer nas costas a verdadeira decadência desse Estado, ladrões,bandidos, criminosos, corruptos”, se referindo ao pai dela, o ex-deputado José Riva.

Por sua vez, Janaina rebateu dizendo que Jajah não tem moral para falar em corrupção e o acusou de cometer irregularidades com a verba indenizatória de R$ 65 mil que recebe enquanto parlamentar. “Corrupção não é só surrupiar dinheiro. Corrupção também é pegar um dinheiro como a verba indenizatória e repassar esse recurso para o deputado que é detentor do mandato. Isso é corrupção também!”, afirmou Janaina.

Ela também o acusou de receber verba de mídia para seu programa de televisão junto ao Governo do Estado e, por conta disso, manter postura de aliado político. “Aqui não tem idiota! Será que está querendo o quê? Está querendo roubar mais, pegar mais dinheiro de mídia do governo? (...) Te respeitei até hoje. Agora, meu amigo, você segura as calças porque eu vou no Ministério Público e eu vou mostrar pra Mato Grosso quem é você!”, ameaçou a deputada.

Depois da sessão, que foi levantada, Jajah Neves negou as acusações e disse que vai processar Janaina. “Isso ela vai ter que provar. Ela disse, cabe a ela o ônus da prova. Eu vou acioná-la porque ela está prevaricando. Eu quero que ela prove!”

Já na manhã desta quinta-feira (18), a deputada Janaina Riva, em suas redes sociais, admitiu que se excedeu e pediu desculpas à população pela postura da noite anterior. No entanto, ela manteve a postura em relação à denúncia sobre irregularidade na verba indenizatória, que garantiu protocolar ainda hoje no MPE. A deputada ainda se manifestou com relação aos ataques à sua família dizendo que defende que seu pai pague na Justiça pelo que cometeu, mas que não admite que os erros dele sejam imputados a ela.
 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Sábado, 09 de dezembro de 2017

09:02 - Partido não pode influenciar na postura de deputado, diz Romoaldo

08:40 - Na web, população parte pra cima de Botelho

Quinta, 07 de dezembro de 2017

10:04 - Botelho afirma que salário de R$ 18 mil é pouco

Terça, 05 de dezembro de 2017

16:09 - Abalado, Fabris emenda licença com férias da AL

Quinta, 08 de junho de 2017

10:05 - Janaina mostra despreparo e arrisca carreira

Quinta, 18 de maio de 2017

15:52 - Wilson nega ter recebido verba e pede certidão da AL

Quarta, 17 de maio de 2017

21:45 - Jajah acusa Janaina de fazer teatro de 5ª e deputada xinga tucano de 'ladrão'

Quarta, 10 de maio de 2017

17:19 - AL vota projeto que prevê desconto no salário de deputado faltoso

Segunda, 08 de maio de 2017

09:22 - Semana promete com 'pacotão' na Assembleia

Quinta, 04 de maio de 2017

18:03 - STF autoriza que governadores sejam processados sem aval da AL


// leia também

Terça, 12 de dezembro de 2017

19:32 - Vereadores de Cuiabá concedem 13º salário para si mesmos

19:02 - Deputados aprovam orçamento de R$ 20,3 bilhões para o Estado

16:50 - TCE dá 15 dias para Emanuel explicar falta de pagamento à empresa

16:01 - Comissão no Senado aprova liberação de quase R$ 500 mi do FEX para MT

14:04 - Recriação da SEC 300 é aprovada na Câmara

10:49 - Vereador quer cancelar interrogatório de prefeito na CPI do Paletó

10:29 - PSOL lança pré-candidatura de índio Kayapó a deputado estadual

10:08 - Câmara recontrata mais 2 servidores por gabinete neste fim de ano

Segunda, 11 de dezembro de 2017

18:30 - Ex-prefeito ainda espera por explicação de Emanuel Pinheiro

11:08 - Eder Moraes diz que falta gestão e competência ao governo Taques


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 13/12/2017
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 13/12/2017
4d4ff3f31814f4dd069405738f837313 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

MPE deu prazo para a Prefeitura de Cuiabá arborizar e dar acessibilidade a praças e avenidas




Logo_classifacil









Loja Virtual