Silval confirma esquema de propina através da Petrobras | Gazeta Digital

Segunda, 28 de agosto de 2017, 19h15

Silval confirma esquema de propina através da Petrobras

Karine Miranda, repórter do GD


O ex-governador Silval Barbosa afirmou, em delação premiada, que foi operado no Estado, em 2012, um esquema junto aos servidores da Petrobras para a obtenção de propina. Ele não confirmou o valor movimentado, porém, disse que correspondeu a 6% das obras que foram pagas pela empresa através do programa "MT Integrado".

A informação faz parte da delação premiada de Silval Barbosa, firmada com a Procuradoria Geral da República (PGR) e homologada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Luis Fux, no último dia 9.

De acordo com a delação, o esquema se iniciou através do programa “MT Integrado”, que previa a pavimentação de várias rodovias do Estado. Valendo-se de um uma resolução do Conselho Nacional de Fazenda (Confaz), foi inserido no programa algumas obras em vias urbanas.

Chico Ferreira

Silval confirma esquema de propina através da Petrobras

A resolução autorizava a execução de que algumas obras de infraestrutura, desde não ultrapassassem os valores de 5% da receita corrente liquida, fossem executadas por empresas.

Com isso, ao invés de o Estado remunerar as obras, concedia créditos outorgados dos valores gastos nas obras para tais empresas abaterem dos valores devidos de ICMS.

Diante da possibilidade, Silval contou que conversou com o então secretário de Fazenda, Marcel Souza de Cursi, sobre os fatos, “que se incumbiu de verificar a questão legal de executar tal programa via Petrobrás”.

“O programa funcionava da seguinte forma: as construtoras ficavam responsáveis em executar as obras de infraestrutura, o Estado fazia as mediações e informava o valor devido e a referida empresa que a Petrobrás deveria pagar, sendo que o valor pago pela Petrobras era descontado do valor que ela deveria recolher de ICMS para o Estado de Mato Grosso”, disse.

Silval relatou ainda que conversou com diretores da Petrobras sobre o programa “frisando que nessas conversas não foi tratado sobre os respectivos retornos”. No entanto, depois, o secretário-adjunto da Secretaria de Infraestrutura (Sinfra), Valdisio Viriato, teria conversado com os servidores da Petrobras.
“Eles pediram vantagens indevidas para a execução do projeto, não sabendo quais servidores (se compromete a tentar descobrir os nomes) da Petrobras que pediram tais vantagens”, disse.

Ainda segundo Silval, a propina combinada tanto com os diretores da Petrobras, como também com as construtoras, era de 4% a 6% do valor que a Petrobras pagava. Desses valores, metade era destinada para os servidores da Petrobras e metade ficaria com Valdisio.

O ex-secretário repassaria os valores para o ex-chefe de gabinete do Silval, Silvio Cézar CorrEa Araujo, ou para o próprio ex-governador. Era com esse dinheiro que Silval fazia os pagamentos dos compromissos do governo.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Terça, 24 de abril de 2018

10:51 - MP pede bloqueio de R$ 37 milhões de 3 deputados e mais 9 políticos

00:15 - MP denuncia 7 políticos flagrados em vídeos de Silval recebendo maços de dinheiro

Segunda, 16 de abril de 2018

18:54 - Conselheiro afastado do TCE alega viver 'um inferno'

Segunda, 09 de abril de 2018

07:47 - STF autoriza novas diligências em inquérito da delação de Silval

Terça, 03 de abril de 2018

15:26 - Supremo mantém suspenso processo de aposentadoria de Antonio Joaquim

08:23 - Novelli tenta reverter decisão contra retorno ao TCE

Quarta, 28 de março de 2018

12:36 - Não sou corrupto e nem ladrão, reage Antônio Joaquim contra Dodge

Terça, 27 de março de 2018

11:15 - Sem pressa, Dodge sugere que Antonio Joaquim se demita para ser candidato

Quinta, 22 de março de 2018

11:28 - Valter Albano se diz humilhado e pede retorno ao TCE

07:20 - Delatado, Novelli vê excessos no STF e afirma que MPE arquivou investigações


// leia também

Quinta, 26 de abril de 2018

17:17 - Em busca da reeleição, Taques convida Jayme Campos para ser vice

15:53 - Vandoni critica defesa de Russi e diz que avisou Taques de que ia 'dar merda'

15:36 - Deputados autorizam Taques contrair empréstimo de R$ 51 milhões

14:24 - Deputados votam vetos e liberam pauta na Assembleia Legislativa

10:50 - Oferta de vice em chapa de Taques é 'estória de boi voando', diz Mendes

09:56 - 'Ninguém está atrelado umbilicalmente a mim', diz Mendes sobre parceiros

09:53 - Em MT, 65 eleitores transexuais solicitam inclusão de nome social no título

Quarta, 25 de abril de 2018

17:36 - Silval atribui esquema na concessão de transportes a Chico Lima

17:15 - Russi diz que ex-aliados 'sugaram até o bagaço' do governo e agora criticam Taques

15:03 - Projeto que cria Fundo Emergencial chega na AL - veja quem terá que contribuir


 veja mais
Cuiabá, Quinta, 26/04/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quinta, 26/04/2018
2f8a4ad01ac2cdfd8dde377dc7eb1047 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Em uma época em que predominam notícias ruins, qual o maior motivo para ser otimista?




Logo_classifacil









Loja Virtual