Câmara avalia se população terá acesso às reuniões da CPI do Paletó | Gazeta Digital

Quinta, 30 de novembro de 2017, 08h38

política de MT

Câmara avalia se população terá acesso às reuniões da CPI do Paletó

Janaiara Soares, repórter do GD


Otmar Oliveira

A procuradoria da Câmara de Vereadores estuda se as reuniões da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Paletó serão abertas à população e imprensa, ou fechadas. A indagação de como serão realizados os encontros, partiu do vereador Adevair Cabral (PSDB), que é relator da investigação e faz parte da base do prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB), que deve ter a conduta investigada pela CPI.

De acordo com o presidente da Comissão, vereador Marcelo Bussiki (PSB), após o questionamento do vereador tucano a procuradoria foi consultada e ainda não se posicionou. Para o parlamentar, as reuniões devem ser abertas ao público para cumprir o princípio da publicidade que garante à população acesso às decisões tomadas pelos vereadores e membros.

“Na semana passada fizemos a primeira reunião da comissão para definir o cronograma e foi questionado pelo Adevair se as reuniões seriam abertas, já que é uma investigação disciplinar. Eu disse que não pode ser fechada porque a população tem que saber o que está sendo feito. Ele então pediu para que a procuradoria se posicionasse sobre isso”, disse Bussiki.

O grupo oposicionista com 9 vereadores que assinou previamente o pedido de investigação ainda avalia se entra na Justiça para conseguir mudar a composição da CPI que tem como relator e membro, 2 vereadores da base do prefeito, Adevair Cabral (PSDB) e Mário Nadaf (PV). A investigação foi proposta por Bussiki para investigar a conduta do prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB), que foi filmado na época que era deputado estadual recebendo maços de dinheiro e guardando no paletó.

Ednei Rosa/Câmara de Cuiabá

O ex-governador Silval Barbosa afirma em delação premiada que o dinheiro era propina paga por ele como mensalinho em troca de apoio político na Assembleia Legislativa. A CPI terá 120 dias para ser concluída, podendo ser prorrogada mediante a solicitação da comissão. O relatório final deverá ser colocado para aprovação do plenário. Os membros da comissão devem investigar possível quebra de decoro do prefeito Emanuel Pinheiro.

Outro ponto que será investigado é a suposta prática de obstrução de justiça, por parte do prefeito, na divulgação do áudio de uma conversa entre o ex-secretário de Estado Alan Zanata e o ex-chefe de gabinete de Silval, Sílvio Corrêa. No áudio, Zanata especula sobre o vídeo em que Emanuel Pinheiro aparece recebendo dinheiro das mãos de Sílvio Correa, em uma aparente tentativa de modificar o contexto em que as imagens foram gravadas. O áudio teria sido encontrado pela Polícia Federal, durante a Operação Malebolge, na casa do peemedebista.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Terça, 27 de março de 2018

15:27 - A coisa vai feder, avisa Toninho a Justino Malheiros

Segunda, 12 de março de 2018

19:03 - Esposa de Mário Nadaf tem cargo comissionado

Sábado, 10 de março de 2018

19:20 - Juiz nega liminar a Bussiki e mantém fim das oitivas na CPI do Paletó

Sexta, 09 de março de 2018

10:29 - Prefeito 'foge' de CPI e não explica dinheiro no paletó; aliados rejeitam novas oitivas

Quarta, 07 de março de 2018

18:46 - Presidente da Câmara quer encerrar a CPI do Paletó

17:39 - Homem da câmera escondida tem amnésia seletiva

Sexta, 23 de fevereiro de 2018

18:56 - Silval entrega recebedores de mensalinho; ouça áudio

Quinta, 22 de fevereiro de 2018

20:32 - Silval vai à Câmara para detonar Emanuel Pinheiro

Quarta, 21 de fevereiro de 2018

19:12 - Dilemário quer acareação entre Silvio e Alan Zanatta na CPI do Paletó

Terça, 20 de fevereiro de 2018

19:00 - CPI interroga ex-secretário que gravou delator


// leia também

Sexta, 20 de julho de 2018

15:46 - Prazo para convenções partidárias vai até 5 de agosto; confira o calendário

10:40 - Apoio do PP a Alckmin não deve interferir em Mato Grosso, garante Ezequiel Fonseca

08:06 - Composição entre MDB e DEM não agrada as bases

08:00 - Eu não faço isso, diz governador sobre negociação entre DEM e MDB

07:51 - PSL de Selma é liberado para coligar com PSDB de Taques

Quinta, 19 de julho de 2018

11:18 - OAB, Mendes, Fávaro e MDB negam negociação por indicação e falam em ilação

08:15 - Pedro Taques compara corrupção no governo Silval e na sua gestão

07:12 - Apoio do MDB a Mauro Mendes envolve TCE, TJ e secretarias

Quarta, 18 de julho de 2018

15:41 - PSL veta PSDB e mais 8 siglas dificultando candidaturas de Selma e Galli - veja documento

13:55 - Disputado por todos, Adilton Sachetti diz que anunciará aliança na 2ª


 veja mais
Cuiabá, Sexta, 20/07/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Sexta, 20/07/2018
96031af100be886f438de72020f399a8 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Países onde mais mulheres estão no governo têm menos corrupção, diz estudo




Logo_classifacil









Loja Virtual