LOA entra em pauta, mas votação é adiada por pedido de vista | Gazeta Digital

Quinta, 07 de dezembro de 2017, 11h10

ORÇAMENTO 2018

LOA entra em pauta, mas votação é adiada por pedido de vista

Priscila Mendes, redação Secom AL/MT


João Vieira

O Projeto de Lei Orçamentária Anual – PLOA 2018 (PL nº 497/2017 - Mensagem do Executivo nº 84/2017) entrou na ordem do dia da sessão vespertina de quarta-feira (6), mas não foi votado, por pedido de vista concedido ao deputado Valdir Barranco (PT). O petista terá cinco dias para analisar a matéria e a previsão de votação em plenário é a próxima terça-feira (12).

O PLOA 2018 foi aprovado pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), que analisou as 281 emendas parlamentares apresentadas. Na sessão plenária dessa quarta, o deputado Zé Domingos Fraga (PSD) avaliou como “totalmente equivocados” alguns pareceres da comissão permanente, que rejeitara propostas com base no artigo 42, da Lei de Diretrizes Orçamentárias 2018 (LDO 2018 – Lei nº 10.571/2017). “Remanejar [recurso] da Secretaria de Comunicação para a Cultura, eu estou tirando dinheiro de atividade essencial?”, questionou.

Fraga defendeu, portanto, que o PLOA fosse votado com destaque nas emendas 255 e 256, ambas de autoria do deputado Wagner Ramos (PSD), e a de número 2, proposta pelas Lideranças Partidárias.

Diante do pedido de vista apresentado por Barranco, os destaques serão avaliados quando o PLOA for devolvido. O presidente da Casa, Eduardo Botelho (PSB), concedeu cinco dias para o requerente. A matéria em voga estima a receita e fixa a despesa de Mato Grosso para 2018.

Ordem do dia - Além das aprovações de indicações, requerimentos e moções, os parlamentares aprovaram as seguintes matérias em primeira votação, que seguem para a segunda votação: os projetos de lei números 205/2015 (de autoria do deputado licenciado Wilson Santos), 498/2017 (Mensagem do Executivo nº 83/2017), 532/2017 (de autoria de Dilmar Dal Bosco) e 539/2017 (Mensagem do Executivo nº 93/2017); e os projetos de lei complementar números 20/2017 (Mensagem do Executivo nº 92/2017) e 21/2017 (de autoria das Lideranças Partidárias).

Foram aprovados em segunda votação e seguem para redação final, os projetos de lei de números: 269/2013 (de autoria de Gilmar Fabris), 131/2017 (Mensagem do Executivo nº 21/2017), 217/2017 (de autoria do Tribunal de Justiça), 357/2017 (Mensagem do Executivo nº 57/2017), 457/2017 (Mensagem do Executivo nº 70/2017) e 578/2017 (Mensagem do Executivo nº 102/2017);

Os seguintes projetos de lei receberam pareceres contrários, aprovados pelo Plenário e, portanto, serão arquivados: 477/2009 (de autoria de Adalto de Freitas), 521/2011 (de autoria de Mauro Savi), 457/2013 (de autoria de Wagner Ramos) e 301/2015 (de autoria de Eduardo Botelho).

 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quinta, 21 de junho de 2018

18:05 - Restrição de foro traz dúvidas sobre os grampos

13:30 - Taques diz ser favorável à restrição de foro a governadores

12:30 - Veja como foi a entrevista do governador Pedro Taques na TV Vila Real

10:32 - Bancada do PSD vai ao Palácio, desconversa sobre eleições e trata sobre FEEF

Quarta, 20 de junho de 2018

17:00 - Taques debocha de Silval Barbosa ao apontar 'avião símbolo de quadrilha'

13:35 - Governador diz confiar no Judiciário e não comenta prisão de Paulo Taques

Terça, 19 de junho de 2018

17:47 - Grupo internacional deve investir R$ 18 milhões em Mato Grosso

16:28 - Taques diz que não teme que fundo não seja aprovado no 1º semestre

Sexta, 15 de junho de 2018

13:14 - Governo destinará 20% do Fundo da Saúde aos hospitais filantrópicos

12:26 - Ciro Rodolpho deixa Controladoria e assume a Casa Civil


// leia também

Sábado, 23 de junho de 2018

08:30 - Emanuel sanciona lei que o autoriza fazer empréstimo de R$ 51 milhões

08:15 - Ninguém quer ver bate boca de lavadeira, diz Jayme Campos

08:00 - Taques vê complô entre Mendes e Fagundes e não aceitará ser 'esculhambado'

Sexta, 22 de junho de 2018

13:15 - PSB quer eleger 2 deputados e busca aliança com grupo de Pedro Taques

10:15 - Guerra de CPIs na Câmara pode atingir a campanha de Mauro Mendes

07:25 - Pedro Taques se prepara para receber verba do PSDB e iniciar campanha

Quinta, 21 de junho de 2018

17:09 - Por falta de documento, vereador devolve LDO à prefeitura de Cuiabá

16:20 - Câmara cria 2ª CPI para investigar 'caixa preta' dos hospitais filantrópicos

15:23 - Vereador de Cuiabá cria CPI para investigar obras 'fantasmas' de escolas

15:10 - Governo não desistirá de licitação de R$ 202 milhões para construir pontes


 veja mais
Cuiabá, Domingo, 24/06/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Domingo, 24/06/2018
264aa11e3277d28a72d32c9ea77980c2 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Qual sua opinião sobre o comportamento dos brasileiros fora do Brasil?




Logo_classifacil









Loja Virtual