Deputado apresenta voto em separado para reprovar contas de Taques | Gazeta Digital

Terça, 06 de março de 2018, 19h45

Irregularidades gravíssimas

Deputado apresenta voto em separado para reprovar contas de Taques

Karine Miranda, repórter do GD


O deputado estadual Zeca Viana (PDT) apresentou, na sessão plenária desta terça-feira (6), o seu voto em separado para a reprovação das contas de gestão do governador Pedro Taques (PSDB) referentes ao ano de 2016. Ele usou do Pequeno Expediente para citar o que chamou de "irregularidades gravíssimas" nas contas do governador.

Marcos Lopes/ALMT

Deputado apresenta voto em separado para reprovar contas de Taques 

Viana é membro titular da Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária e já havia pedido vistas da peça, em janeiro. Com isso, a votação em plenário foi protelada. Contudo, o relator das contas, Jajah Neves (PSDB), já se posicionou pela aprovação das contas.

Leia mais - Viana cita irregularidades gravíssimas e vota para reprovar contas de Taques

Entre as irregularidades, segundo Viana, estariam o extrapolamento do limite de gastos com pessoal, o não repasse integral do duodécimo aos Poderes, o não repasse dos valores relacionados à atenção básica da saúde aos municípios, no total de R$ 18 milhões, bem como o atraso no repasse do ICMS aos municípios.

Ele citou ainda que teria havido uma “apropriação indevida de recursos” do ICMS por parte do Estado, uma vez que o governador teria excluído, da base de cálculo do imposto, alguns recursos. Com isso, segundo o deputado, houve a redução nos valores repassados aos municípios e à Educação.

“O senhor governador burlou a lei manipulando a opinião pública e administra desastrosamente o Estado. Por isso, meu voto é pela reprovação das contas referentes ao exercício de 2016. Quero dizer que esse é meu voto, por esses erros gravíssimos e crimes de reponsabilidade que o governador cometeu”, disse.

Com a apresentação do voto, o documento será analisado pela Comissão de Fiscalização, que avalia e decide se coloca-o para votação do plenário ou não. A previsão é que as contas do governador sejam votadas nos próximos dias.  As contas já tiveram parecer favorável no Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT), porém com 20 recomendações.

“Agora vai ficar a cargo dos colegas deputados para fazer a avaliação se realmente vamos dar o nosso voto para a moralização, ou vamos continuar votando na indecência, como já foi votado muitas vezes atrás aí, e na imoralidade. Se quisermos realmente recuperar a imagem desse parlamento e a imagem dos políticos, temos que começar da forma mais correta e transparente possível”.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Sexta, 15 de junho de 2018

13:14 - Governo destinará 20% do Fundo da Saúde aos hospitais filantrópicos

12:26 - Ciro Rodolpho deixa Controladoria e assume a Casa Civil

Quinta, 14 de junho de 2018

18:35 - Júlio Modesto pede demissão da Casa Civil

Quarta, 13 de junho de 2018

15:12 - TJ nega suspeição e deixa coronéis julgar ação dos grampos contra PMs

Terça, 12 de junho de 2018

16:10 - Duplicação de trecho urbano da Estrada da Chapada entra na reta final

Sexta, 08 de junho de 2018

13:10 - Governo de MT antecipa e paga todos os servidores nesta sexta-feira

13:05 - Mauro Savi é ouvido como testemunha em inquérito da 'grampolândia pantaneira'

Quarta, 06 de junho de 2018

17:04 - Bolívia autoriza voo comercial entre Cuiabá e Santa Cruz de La Sierra

Segunda, 04 de junho de 2018

12:34 - Taques comete gafe pró-Leitão e bancada revida

10:10 - Crise entre Taques e bancada faz secretário de Aviação suspender visita a MT


// leia também

Domingo, 17 de junho de 2018

08:58 - Pré-candidata Margareth Buzetti não se apega a cargo e quer destravar economia - vídeo

Sábado, 16 de junho de 2018

15:15 - Gustavo de Oliveira descumpre estatuto da FIEMT e pode sofrer impugnação

11:17 - Ex-reitora da UFMT admite dificuldade na disputa ao Senado

10:51 - Vereador propõe que cargo de chefia só pode ser exercido por servidor efetivo

08:00 - Emanuel avalia que pré-candidatura de Mauro Mendes não muda cenário

Sexta, 15 de junho de 2018

14:36 - Apenas duas empresas se interessam por licitação de R$ 11 bilhões

11:29 - Prefeitura tem aval do Estado para alugar equipamentos hospitalares

Quinta, 14 de junho de 2018

16:10 - Vereador consegue 9 votos e cria CPI para investigar 'desmandos' na Saúde

15:35 - Deputados aprovam criação do fundo fiscal para arrecadar R$ 183 milhões

12:30 - Deputados aprovam RGA e aumento nos auxílios dos servidores do Judiciário


 veja mais
Cuiabá, Domingo, 17/06/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Domingo, 17/06/2018
06e60112abf039588e79d3613d6ca555 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Canarinho Pistola, mascote da seleção brasileira, foi vetado dos jogos da Copa




Logo_classifacil









Loja Virtual