Nulos e brancos | Gazeta Digital

Domingo, 18 de fevereiro de 2018, 00h00

Editorial

Nulos e brancos

Da Editoria


""Votar no Brasil é inútil. Não vou dar meu aval para um político roubar a população". A afirmação do vendedor de livros Eurico Ferreira para uma reportagem da rede britânica BBC ilustra um estudo feito pelo Datafolha em janeiro que revela que um em cada três brasileiros (32%) pretende anular o voto para presidente nas próximas eleições. O número se refere a um cenário que não conta com os nomes de Lula e Marina Silva na disputa. É, segundo os pesquisadores, o maior percentual registrado pelo instituto de pesquisa no começo do ano eleitoral. No pleito de 2014 o percentual de brancos e nulos foi de 19% com Dilma Rousseff, Aécio Neves e Eduardo Campos na disputa.

Vem de alguns séculos - e muitas justificativas históricas - a ojeriza do cidadão comum aos políticos. Não é uma condição apenas do brasileiro, apesar de ele ser o povo que menos confia nos políticos entre as grandes economias do mundo. A constatação está cientificamente comprovada em uma pesquisa da conceituada organização CfK Verein, que mediu a reputação de diferentes profissões no mundo em 27 países e envolvendo 30 mil pesquisas. O estudo foi divulgado em 2016, mas não deve estar muito diferente nos dias de hoje.

Decepção com a classe e a crença de que todos os políticos são corruptos estão por trás dessa aversão. E não se pode tirar a razão do povo. Da Lava Jato aos milhares de casos de corrupção vistos diariamente, envolvendo políticos, são a causa dessa decepção generalizada que irá se refletir nas urnas neste ano. Se depender dos cenários que se vislumbram, será uma escolha difícil. Pelo menos em nível nacional.

Vejamos: a pesquisa que registrou recorde de 32% dos votos nulos tem como candidatos Jair Bolsonaro, Ciro Gomes, Geraldo Alckmin, Álvaro Dias (Podemos), Manuela D"Ávila, Fernando Collor de Mello, Jaques Wagner, Henrique Meirelles, Paulo Rabello de Castro, Guilherme Boulos e João Amoêdo. Neste pacote tem de tudo. De conhecidos - não por seus feitos, mas por suas polêmicas - como Bolsonaro a nomes que seguem tentando (Geraldo Alckmin), além daqueles que foram apeados do poder (Collor), mas seguem contando com voto de gente sem memória e amor à pátria.

Não há luz no fim do túnel, mas se abster de participar dessa escolha é um gesto ainda mais covarde do que votar na pessoa errada e ter que lidar com seus mandos e desmandos no poder. O percentual de intenções de voto nulo ou branco indica que há muita insatisfação com candidatos e partidos, mas se abster não vai fazer a situação mudar. Muito pelo contrário. Quem deixa de votar será conivente com o que vier. É como diz aquele famoso ditado, quem cala consente.

Há 29 anos mais de 70 milhões de brasileiros foram às urnas escolher seu presidente após 29 anos sem poder exercer esse direito. É uma conquista e tanto que não pode ser ofuscada pela descrença. Ao longo de todos estes anos houve erros e acertos, pessoas que fizeram muito, outras que não fizeram nada e, entre avanços e retrocessos, o Brasil caminha. Não a passos largos como o cidadão gostaria, mas ainda tropeçando para chegar em algum lugar. O voto, um direito constitucional do cidadão, é uma ferramenta importante para mover essa engrenagem.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// leia também

Sábado, 23 de junho de 2018

00:00 - Creio em outubro

00:00 - Trapalhada bilionária

00:00 - Economia inclusiva

00:00 - Dois assuntos

00:00 - Fome e desperdício

Sexta, 22 de junho de 2018

00:00 - Desligue o piloto automático

00:00 - Envelhecimento, um grande desafio

00:00 - Temer está quebrando o Brasil

00:00 - Trajetória histórica dos Irantxe

00:00 - Dias de luta e dias de festa


 ver todas as notícias
Cuiabá, Sábado, 23/06/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Sábado, 23/06/2018
00cd1afd8757c6b9bf1a877a182fcfcc anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

O que os eleitores vão depositar nas urnas em outubro?




Logo_classifacil









Loja Virtual