Família suspeita de homicídio, contesta PJC e mostra fotos com hematomas | Gazeta Digital

Terça, 22 de agosto de 2017, 17h49

namorada de bombeiro morta

Família suspeita de homicídio, contesta PJC e mostra fotos com hematomas

Alcione dos Anjos, repórter do GD


O administrador de empresas, Carlos Higino, 53, primo de Vanessa Steffany Barbosa de Souza, 29, encontrada morta em um córrego, na região de chácaras na Estrada para o Manso, na noite do último sábado (19), mostra fotos do corpo da vítima com lesões e contesta versão da Polícia Judiciária Civil de que a vítima não apresentava hematomas.

Reprodução

“As marcas no corpo dela eram visíveis, no rosto, no queixo, nas mãos e nos braços. A orelha estava ainda sangrando e chegou a manchar o caixão”, aponta Higino.

Segundo ele a família está indignada e quer que o caso seja investigado como homicídio, confirmando declarações feitas ao Gazeta Digital por uma amiga de infância de Steffany, na segunda-feira (21).

Leia mais - Amigos apontam homicídio de namorada de bombeiro e denunciam fraude

Familiares e amigos de Steffany suspeitam que o namorado da vítima, o sargento do Corpo de Bombeiros, Fernando Pascoal de Morais, tenha matado a jovem por asfixia e forjado o afogamento. “O laudo do Instituto Médico Legal descartou morte por afogamento e apontou causa indeterminada. Vamos esperar o resultado final e não descartamos pedir a exumação do corpo para que o caso seja investigado como homicídio”, revela.

João Vieira

Outra versão contestada pelos parentes da vítima é que a chácara possui um caseiro, que seria amigo do sargento, e ao lado havia um acampamento religioso com mais de 20 pessoas entre adolescentes e adultos que teriam ouvido os gritos de socorro da vítima e foram até o local verificar o que estava ocorrendo. Mas não houve oitivas de testemunhas.

A prima do sargento, Dhaiane Laura, disse que as acusações são inverídicas e que eles estão tomando as medidas cabíveis. Ela se recusou a dar entrevista ao Gazeta Digital e expor a versão da família sobre os fatos.

O Corpo de Bombeiros Militar, por meio da assessoria de imprensa disse que não irá se posicionar sobre o caso por enquanto.

A assessoria da Polícia Civil informa que o laudo do IML ainda não ficou pronto e esta é a ferramenta que irá nortear o caso, que ainda é tratado como afogamento. Reforça que uma equipe plantonista da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP) foi ao local e o sargento já não estava mais lá, reafirma que não houve relatos de gritos e brigas e que a perícia oficial apontou que a vítima não apresentava lesões aparentes.

A assessoria da Politec afirma que o prazo legal para o laudo é de 10 dias, mas como a causa morte foi considerada indeterminada foram feitos exames complementares, sem previsão de conclusão.

Reprodução

A sugestão para esta matéria foi enviada pelo WhatsApp do Gazeta Digital. Para qualquer denúncia, fotos, vídeos ou sugestão de pauta o número é (65) 9 9987-2065.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quinta, 21 de setembro de 2017

11:14 - Adolescente de 14 anos morre afogado no Rio Paraguai após fuga de escola

Terça, 19 de setembro de 2017

18:45 - Morte de namorada de bombeiro completa 30 dias sem laudo

Segunda, 18 de setembro de 2017

11:36 - Menina de 4 anos morre afogada em piscina de balneário em MT

Quinta, 14 de setembro de 2017

10:36 - Corpo de jovem é encontrado no rio Teles Pires

Sexta, 08 de setembro de 2017

17:23 - Bebê de 1 ano morre afogado ao cair em balde de água em São Félix

Domingo, 03 de setembro de 2017

09:43 - Casos de afogamentos aumentam em 30% e bombeiros fazem alerta

Sexta, 01 de setembro de 2017

10:12 - Corpo de jovem é localizado em rio de Mato Grosso

Quinta, 24 de agosto de 2017

10:30 - Menino de 1 ano morre após cair em piscina de residência

Segunda, 21 de agosto de 2017

19:30 - Amigos apontam homicídio de namorada de bombeiro e denunciam fraude

10:02 - Filho de pastora morre ao pular em rio em Guarantã do Norte


// leia também

Domingo, 24 de setembro de 2017

08:25 - Servidor é flagrado usando carro oficial para buscar criança na escola - veja vídeo

Quarta, 20 de setembro de 2017

11:34 - Manicure quebra silêncio e culpa delegado por morte da rival - veja vídeo

Terça, 19 de setembro de 2017

11:00 - Descaso na Farmácia de Alto Custo deixa pacientes sem medicamentos

Terça, 12 de setembro de 2017

15:05 - Menina de 12 anos desaparece e familiares pedem ajuda

Segunda, 11 de setembro de 2017

16:56 - Morre mulher que aguardou 1 ano por cirurgia

Sábado, 09 de setembro de 2017

08:48 - Moradores filmam cenas tristes de poluição em lagoa

Sexta, 08 de setembro de 2017

15:30 - Mulher espera 1 ano por cirurgia e cisto chega a 10 kg; ela está na UTI

Quarta, 06 de setembro de 2017

15:10 - Dois concursos públicos no mesmo dia prejudicam candidatos

Sexta, 25 de agosto de 2017

10:18 - Mães de adolescentes infratores denunciam transferência sem aviso e espancamentos

Segunda, 12 de junho de 2017

15:01 - Pai se revolta com escola abandonada e livros no chão


 ver todas as notícias
Cuiabá, Segunda, 25/09/2017
 
Facebook Instagram
GDEnem

Fogo Cruzado
titulo_jornal Segunda, 25/09/2017
27404591e818e43fa949ce26e20c68da anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Ex-secretário de Fazenda de Mato Grosso, Marcel de Cursi, quer ser indenizado pelos 2 anos em que ficou preso




Logo_classifacil









Loja Virtual