Petrobrás tem lucro líquido de R$ 266 milhões no terceiro trimestre | Gazeta Digital

Terça, 14 de novembro de 2017, 08h56

Abaixo das expectativas

Petrobrás tem lucro líquido de R$ 266 milhões no terceiro trimestre


Estadao

A Petrobrás registrou lucro líquido de R$ 266 milhões no terceiro trimestre, revertendo o prejuízo bilionário de R$ 16,458 bilhões em igual período do ano passado. Apesar de positivo, o resultado veio abaixo das expectativas de analistas de mercado ouvidos pelo Estadão/Broadcast, que projetavam lucro de R$ 2,5 bilhões entre julho e setembro, já levando em conta um desempenho ruim no mercado de combustíveis.

O lucro ficou abaixo do esperado por causa de perdas de R$ 3,356 bilhões com programas de regularização de débitos, contingências judiciais e baixas contábeis. “O operacional não foi tão ruim. O que ruim foi o lucro, muito aquém porque a empresa teve baixas”, afirma Pedro Galdi, analista de investimentos da Magliano Corretora.

Agência Petrobras/Divulgação

A perda com esses itens superou o segundo trimestre deste ano, quando foi de R$ 1,531 bilhão. O destaque veio de contingências judiciais, onde a companhia gastou R$ 1,061 bilhão. A segunda maior perda foi com “programas de regularização de débitos federais”: menos R$ 1,030 bilhão. Já as baixas contábeis com ativos e investimentos que não poderão ser recuperados custaram R$ 222 milhões. Ainda assim, o total ficou abaixo dos R$ 20,215 bilhões do terceiro trimestre de 2016.

“Temos aspectos positivos, como geração de fluxo de caixa. Olhamos com atenção a participação de mercado. Mas, em geral, o resultado continua mostrando números extremamente positivos”, afirmou o presidente da Petrobrás, Pedro Parente. “Itens extraordinários reduzem o número final, mas, no geral, a tendência é positiva”, disse o executivo, acrescentando que gostaria de pagar dividendos aos acionistas “o mais rápido possível”.

Outro fator que limitou o lucro foi o desempenho do mercado de combustíveis, já esperado pelo mercado. A demanda por gasolina e diesel se manteve baixa diante do atual cenário de recuperação lenta da economia, enquanto a nova política de preços impediu receita maior com a comercialização dos produtos. “É uma questão de manter a fatia de mercado”, disse Galdi. Desde julho, na tentativa de barrar a concorrência de importadores, a Petrobrás alinha os preços dos combustíveis nas suas refinarias aos dos mercados internacionais. De um lado, demonstra autonomia em relação ao governo federal, que nas gestões do PT conteve os preços para segurar a inflação. Por outro lado, a prática impede que a companhia compense perdas do passado, de quando manteve os preços congelados.

Com a nova política, o preço de derivados básicos no mercado interno ficou em R$ 213,41 por barril no terceiro trimestre, queda de 3% ante o segundo trimestre. Assim, o lucro líquido da área de abastecimento caiu 24% na passagem do segundo para o terceiro trimestre, para R$ 2,643 bilhões.

Já na área de exploração e produção, a extração de petróleo diminuiu no terceiro trimestre, quando a comparação é com o período de abril a junho, “pela maior concentração de paradas programadas de plataformas”. Na comparação com o ano passado, houve aumento, com destaque para os campos do pré-sal. A produção média de janeiro a setembro foi de 2,223 milhões de barris por dia, alta de 1% ante igual período de 2016.

Além disso, a Petrobrás prosseguiu no processo de redução da dívida, que chegou a R$ 359,412 bilhões ao fim de setembro, 7% menos do que o registrado no fim de 2016.  

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quinta, 14 de junho de 2018

16:06 - Privatização da Eletrobras e cessão onerosa são prioridades do governo

Terça, 12 de junho de 2018

19:30 - Eunício defende ?previsibilidade? na política de preços da Petrobras

11:17 - Petroleiros preparam greve por tempo indeterminado contra desmonte da Petrobras

Sexta, 08 de junho de 2018

08:53 - Governo vende 3 de 4 blocos do leilão do pré-sal e arrecada R$ 3,15 bilhões

Quinta, 07 de junho de 2018

09:12 - Governo espera arrecadar R$ 3,2 bilhões com leilão do pré-sal

Segunda, 04 de junho de 2018

08:52 - Marun diz acreditar que Petrobras vai reavaliar política de preço

Domingo, 03 de junho de 2018

12:12 - Ex-diretor da Caixa denuncia propinas do setor de energia

Sábado, 02 de junho de 2018

13:30 - Novos subsídios levaram à demissão de Parente

08:46 - Ações da Petrobras caem 15% em Nova York após saída de Parente

Sexta, 01 de junho de 2018

13:28 - Em carta, Parente diz que demissão é irrevogável e irretratável


// leia também

Quinta, 21 de junho de 2018

14:39 - Apesar de R$ 200 bilhões para obras, infraestrutura vai piorar no Brasil

14:15 - Brasil perdeu 1,3 mi de empregos na indústria entre 2013 e 2016

14:00 - Central de Emprego

13:15 - Exportações de frango caem 4,7% e atingem 333,2 mil toneladas em maio

10:13 - INSS - saiba quando vale a pena entrar na Justiça contra Previdência

10:08 - Governo já recebeu 2.400 queixas por desrespeito à tabela do frete

07:48 - Empresas criam mais de duas mil vagas de empregos em maio

07:41 - Por melhorias e reajuste salarial, bancários de MT ameaçam deflagrar greve

Quarta, 20 de junho de 2018

19:00 - Dólar sobe 1% depois de altas e baixas durante o dia

16:21 - 33 mil novos empregos formais foram criados em abril


 veja mais
Cuiabá, Quinta, 21/06/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Quinta, 21/06/2018
993364e9a9f5ce444d02868cc0a18565 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Deputados que faltarem às sessões terão o salário cortado




Logo_classifacil









Loja Virtual