BNDES pode se desfazer de 10% de participações em grandes grupos | Gazeta Digital

Quinta, 07 de dezembro de 2017, 18h00

BNDES pode se desfazer de 10% de participações em grandes grupos


Estadao

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) deve se desfazer de, pelo menos, 10% das participações que possui em grandes grupos privados. O dinheiro será usado para comprar novas posições, em renda fixa ou variável, em pequenas e médias empresas que têm foco em inovação.

O presidente do banco, Paulo Rabello de Castro, estimou em R$ 60 bilhões o total de participações em grandes empresas. Ressaltou, porém, que o valor varia de acordo com o preço diário das ações.

Segundo o executivo, a transferência do dinheiro das empresas de maior para as de menor porte com viés tecnológico condiz com a atual estratégia do banco. A mudança será gradual, começando com pelo menos 10%, mas podendo alcançar o total das participações. ‘O céu é o limite‘, afirmou, após evento promovido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Entre os grandes grupos privados dos quais o banco deve sair está o frigorífico JBS, citado nas delações da Operação Lava Jato.

Como exemplo do modelo de venda, Rabello falou sobre o programa de desinvestimentos da Petrobras. ‘Só não gosto do nome porque esse é um banco de investimento‘, brincou. Mas, assim como a estatal do petróleo, ainda vai submeter o projeto de venda dos ativos ao Tribunal de Contas da União (TCU). Só depois lançará as propostas ao mercado, o que deve acontecer no primeiro semestre do ano que vem. A intenção é se desfazer de uma só vez de um bloco de ações. ‘Pode ser a venda de (uma participação em) uma companhia de uma vez só, mediante leilão‘, disse Rabello, destacando, no entanto, que o modelo de venda ainda não está definido. 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quarta, 17 de janeiro de 2018

21:30 - Cai percepção de piora da economia entre comerciantes

18:00 - Após 6 anos de queda, financiamentos de veículos novos crescem 3,5% em 2017

Terça, 16 de janeiro de 2018

20:00 - Valor arrecadado pela Lei Rouanet se manteve estável em 2017

17:05 - Taxas futuras de juros fecham com viés de alta, alinhados ao avanço do dólar

Sexta, 12 de janeiro de 2018

14:51 - S&P rebaixa ratings de bancos, incluindo BB, Bradesco, Itaú e Santander

14:38 - Moeda virtual não pode ser considerada ativo financeiro, diz CVM

Quinta, 11 de janeiro de 2018

18:00 - Orçamento de 2018 não prevê correção da tabela do IR, informa Receita

15:50 - AGU vai recorrer de decisão que suspende MP de privatização da Eletrobras

15:05 - Governo anuncia reajuste do seguro-desemprego

14:11 - Piauí entra com ação no STF contra a Caixa por financiamento de R$ 315 milhões


// leia também

Quinta, 18 de janeiro de 2018

11:22 - Bitcoin cai abaixo de US$ 10 mil e assusta investidor

11:16 - Petrobras revisa política de preços do gás; valor do botijão cairá 5%

11:07 - Petrobras anuncia altas de 0,80% no preço da gasolina e de 0,70% no diesel

09:15 - Reajuste da aposentadoria acima do mínimo é publicado no Diário Oficial

09:10 - Sétimo lote do abono salarial 2016 começa a ser pago hoje

Quarta, 17 de janeiro de 2018

21:00 - Juros fecham estáveis e não acompanham melhora de humor no câmbio e ações

16:59 - BNDES e Sebrae lançam linha de crédito de R$ 6 bi com foco em pequenos negócios

16:30 - Varejão assina por 20 meses e é oficializado como reforço do Flamengo

14:28 - Temer libera verbas para escolas em tempo integral e elogia Mendonça Filho

14:11 - Para Aneel, geração de energia solar pode dobrar; hidrelétrica também crescerá


 veja mais
Cuiabá, Quinta, 18/01/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Quinta, 18/01/2018
9ee939b5a8a4bad7141e63886c5d344b anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Os juízes brasileiros estão abusando das ordens de prisões preventivas?




Logo_classifacil









Loja Virtual