Quinta, 02 de agosto de 2012, 20h18

TRAGÉDIA NA BR-364

Acidente mata 2, fere 4 e interdita rodovia

Welington Sabino, repórter do GD


Site Agora MT
Com a batida frontal os dois condutores dos caminhões morreram presos às ferragens

O choque frontal entre 2 carretas na BR-364 e uma caminhonete que bateu na traseira de um dos veículos pesados, matou 2 pessoas e deixou outras 4 feridas nas proximidades de Rondonópolis (212 Km ao sul de Cuiabá). Com a batida, parte da carga de milho caiu na pista sobre a ponte do Rio Sucuri e os dois sentidos da rodovia foram totalmente bloqueados desde às 17h. A previsão é que a rodovia seja liberada apenas por volta das 23h.

Os mortos, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF) são os condutores da carreta bitrem carregada de milho e do caminhão boiadeiro. Eles tiveram morte instantânea e ficaram presos às ferragens, sendo necessário o auxílio do Corpo de Bombeiros para cortar a lataria e retirar os corpos. Entre os 4 feridos, 2 viajavam no caminhão boiadeiro e foram socorridos em estado grave. Já outros 2 ocupantes da caminhonete também sofreram ferimentos leves. Todos foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levados para uma unidade de saúde de Rondonópolis.

Site Agora MT
Colisão foi registrada no ínício da ponte sobre o Rio Sucuri e deixou 2 mortos e 4 feridos

Informações preliminares apontam as vítimas fatais como sendo Juliano Estevão, 30, e Allynsson Pakehiro Fujita,33. De acordo com o agente da PRF, Jota da Costa, o acidente ocorreu a cerca de 20 Km de Rondonópolis na saída para o município de Pedra Preta (238 Km ao sul de Cuiabá). O bitrem carregado de milho fazia o trajeto Pedra Preta a Rondonópolis, enquanto o caminhão boiadeiro e a caminhonete transitavam no sentido inverso. Após um dos caminhões invadir a pista contrária e bater de frente com o outro a caminhonete que seguia logo atrás se chocou contra a traseira do caminhão boiadeiro.

Ainda conforme o agente da PRF, apesar de um dos veículos ter invadido a pista do outro, por enquanto não é possível afirmar quem estava certo e o que provocou a batida. Ele explica que existem diversas possibilidades como uma saída de pista, uma manobra para desviar de algum obstáculo, ou mesmo uma ultrapassagem malsucedida. Apenas a perícia vai apontar as causas do acidente.

Site Agora MT
Com impacto as carrocerias dos caminhões ficaram destruídas e os condutores morreram na hora

Por volta das 20h equipes da PRF ainda atendiam a ocorrência e um caminhão guincho se preparava para retirar as carretas da pista. Os 2 corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Rondonópolis onde serão submetidos a exames.

Acompanhe o GD também pelo Twitter: @portalgazeta



Aguarde! Carregando comentários ...


// leia também

Terça, 09 de fevereiro de 2016

11:34 - PM e foliões entram em confronto e pelo menos 3 são feridos; fotos e vídeo

10:32 - Homem é baleado na rua, mas não chama a Polícia

09:54 - Ladrão atrapalhado atira na própria perna durante roubo

08:36 - Gefron apreende carga de pasta base de cocaína

07:13 - Cabo da PM reage a assalto e mata ladrão mas é baleado; veja vídeo

Segunda, 08 de fevereiro de 2016

15:54 - Jovem atira no pênis de 'amigo' em Várzea Grande

14:20 - Mulher esfaqueia marido em legítima defesa

13:42 - Mãe sai para comprar Miojo e deixa filhos trancados em casa

11:57 - Motociclista morre em acidente no Manso

11:30 - Presa grávida de 6 meses com droga na vagina em presídio


 ver todas as notícias
Cuiabá, Terça, 09/02/2016
 

WhatsApp

Fogo Cruzado waze

  • twitter
  • facebook
  • google+
  • rss
ao vivo

Rádios ao vivo
  • cbn
  • cbn
Indicadores Financeiros
Dólar Comercial 3,9028 -0,12%
Ouro - BM&F (à vista) 145,500 + 1,0417%
+ veja mais
Mercado Agropecuário
Boi Gordo @ 130,00
Soja - saca 60 kg 65,00
+ veja mais
Loterias
Mega-Sena 03 13 42 45 56 59
Quina 24 27 37 45 69
+ veja mais
Mais Lidas Enquete

Com o decreto de situação de emergência em saúde pública a população vai se conscientizar que a única forma atual de evitar a disseminação do vírus Zika é a eliminação dos focos do mosquito Aedes Aegypti?


Logo_classifacil