Após 15 dias desaparecido, corpo de professor indígena é encontrado | Gazeta Digital

Terça, 30 de janeiro de 2018, 07h35

crime em confresa

Após 15 dias desaparecido, corpo de professor indígena é encontrado

Redação PJC/MT


Divulgação

Daniel saiu para fazer um depósito bancário em Confresa

O corpo do professor indígena, Daniel Kabixana Tapirape, 37 anos, foi localizado na tarde desta segunda-feira (29), na periferia da cidade de Confresa (1.160 km a Nordeste de Cuiabá). O indígena da aldeia Hawalora, no município de Santa Terezinha, estava desaparecido desde o dia 16 de janeiro.

A identificação do corpo foi possível após a prisão de 3 acusados pelo crime.

Os suspeitos Romilson Ferreira da Silva, 22, e Fernando Nascimento Diniz, 18, confessaram que mataram o indígena, a pedrada, para roubar a motocicleta dele e também dinheiro. Um menor de 15 anos, G.M., que também participou do crime, foi apreendido em Santa Terezinha.

As prisões foram feitas pela Delegacia de Confresa, em conjunto com a equipe do Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra) da Regional de Vila Rica e policiais de Santa Terezinha.

O delegado de Confresa, André Rigonato, informou que será solicitado exame de DNA do corpo devido ao estágio avançado de decomposição, já em processo de esqueletização. "A perícia e o legista explicaram que devido a exposição térmica na região e as grandes chuvas pode acontecer, mas somente o DNA para afirmar a identidade. Vamos levar a mulher dele para reconhecer a roupa e já vamos coletar o DNA do filho para confronto", disse.

"Os presos confirmaram a prática delitiva, do roubo e da morte, e levaram as equipes até o local e onde a motocicleta foi deixada", completou Rigonato.

Segundo o delegado, quando abordado, o professor estava em um bar na área central da cidade ingerindo bebida alcoólica. Os suspeitos também estavam no estabelecimento e perceberam que o professor indígena tinha dinheiro, então decidiram roubar à vítima, que reagiu entrando em luta corporal e terminou morta a pedrada.

Os suspeitos afirmam que somente levaram R$ 20 reais e a moto da vítima, que caiu em um buraco e foi abandonada, cerca de 1 quilômetro do corpo da vítima, próximo de um condomínio em construção.

De acordo com a família, o indígena saiu no dia 16 de janeiro, da aldeia Hawalora, em Santa Terezinha, com documentos, cartão de crédito do Banco do Brasil e R$ 4 mil, que levava para depositar uma agência bancária de Confresa. A vítima estava em sua motocicleta e teria sido visto pela última vez na aldeia Urubu Branco, onde dormiu na casa da sogra e depois não tiveram mais notícias.

O suspeitos serão autuados em flagrante por roubo seguido de morte (latrocínio) com pedido de conversão para prisão preventiva.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quinta, 16 de agosto de 2018

18:20 - Homem é preso após matar o padrasto idoso a facadas e fugir

09:24 - Idoso é assassinado a facadas por enteado dentro de casa após bebedeira

08:45 - Empresário é morto a tiros em frente ao local de trabalho

Quarta, 15 de agosto de 2018

08:22 - Cadáver de mulher morta a facadas é encontrado em decomposição

Terça, 14 de agosto de 2018

09:50 - Cão farejador encontra corpo em rio após moradores relatarem barulho de tiros

Segunda, 13 de agosto de 2018

11:40 - Homem é executado com 5 tiros ao chegar em casa durante a madrugada

09:46 - Corpo de homem é encontrado em estrada vicinal

Sábado, 11 de agosto de 2018

12:08 - Homem é morto ao ameaçar jovens por estupro de sua esposa

Sexta, 10 de agosto de 2018

10:04 - Homem é assassinado com tiros na cabeça e no pescoço

08:59 - Mulher é encontrada morta em calçada ao lado de vômito


// leia também

Quinta, 16 de agosto de 2018

17:46 - Carro de Janaina Riva é confundido com Toyota roubado de Carlos Fávaro

17:22 - Traficante finge ser entregador de gás é preso com 'supermaconha' e ecstasy

16:14 - Bandidos rendem motorista e roubam caminhonete de Carlos Fávaro

11:00 - Ladrões invadem posto e trocam tiros com policiais após perseguição

10:27 - Vigia é baleado ao reagir a assalto em supermercado

Quarta, 15 de agosto de 2018

15:13 - Polícia descobre plantio de maconha em região rural, mas suspeitos fogem

14:30 - Polícia recupera pitbull e eletrônicos levados em roubo à chácara na Capital

13:26 - Homem invade apartamento, obriga jovem a praticar sexo oral e acaba preso

10:17 - Homem é preso por abusar da filha de 9 anos em MT e outras 3 vítimas no Paraná

09:46 - Atraído por emboscada, caminhoneiro é sequestrado e mantido refém em hotel


 veja mais
GDEnem

Cuiabá, Sexta, 17/08/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Sexta, 17/08/2018
3530ffce5712a5fc35d6534a46b49165 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Cuiabá é uma cidade acolhedora para ciclistas?




Logo_classifacil









Loja Virtual