Terça, 10 de janeiro de 2017, 09h06

Mundo

Obama retorna ao berço político para discurso final


Estadao

O presidente Barack Obama voltará hoje a Chicago, a cidade onde construiu sua carreira política, para realizar seu discurso de despedida dos oito anos em que comandou os EUA. No dia 20, ele entregará a Casa Branca a Donald Trump.

No sábado, milhares de pessoas esperaram durante horas na fila de distribuição de ingressos para o evento, em uma temperatura inferior a -10º C. Cambistas vendiam ontem ingressos – originalmente gratuitos – por até US$ 5 mil em sites de leilão.

Obama nasceu no Havaí, passou parte de sua infância na Indonésia, mas sua identidade sentimental e política está em Chicago, a cidade onde iniciou seu ativismo político, conheceu sua mulher, Michelle, e onde nasceram suas duas filhas, Malia e Sasha.

Obama deixa o poder com popularidade superior a 50%, desemprego em queda e o maior índice de crescimento de renda desde a crise de 2008. O presidente mobilizou esse capital político para tentar eleger Hillary Clinton sua sucessora, mas foi derrotado pela onda populista que deu a Trump a vitória no Colégio Eleitoral – Hillary ganhou o voto popular com vantagem de quase 3 milhões de votos.

O discurso está marcado para a meia-noite (horário de Brasília). Após o término do mandato, o líder democrata escolheu Chicago para abrigar sua biblioteca presidencial – a família deve voltar a morar na cidade no futuro.
 



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quinta, 23 de fevereiro de 2017

11:07 - Trump anula norma que permitia transgênero escolher banheiro

Quarta, 22 de fevereiro de 2017

17:21 - Governo Trump vai abandonar regra de Obama sobre banheiro para transgêneros

09:21 - Morre esposa de homem que procurava por rins pelas ruas da Carolina do Sul

Terça, 21 de fevereiro de 2017

17:15 - Programa Diálogo Brasil analisa primeiro mês de Trump na Casa Branca

09:25 - Trump escolhe estrategista militar para a Segurança Nacional

Segunda, 20 de fevereiro de 2017

16:36 - Novo decreto anti-imigração de Trump iria visar os mesmos países

Sexta, 17 de fevereiro de 2017

16:00 - Trump nega planejar busca por imigrantes ilegais com uso de tropas

15:27 - EUA espionaram eleições da França em 2012, diz Wikileaks

09:34 - Conexão com Rússia aumenta pressão sobre Trump, que radicaliza discurso

Quinta, 16 de fevereiro de 2017

17:10 - Embaixadora dos EUA na ONU apoia solução de dois Estados na Palestina


// leia também

Quinta, 23 de fevereiro de 2017

15:02 - Candidato independente de 39 anos pode vencer eleição presidencial na França

12:09 - 14 mil são obrigados a se retirar de suas casas na Califórnia

12:01 - Conselho Eleitoral confirma segundo turno no Equador

Quarta, 22 de fevereiro de 2017

17:12 - Cristão é queimado vivo pelo Estado Islâmico

16:17 - Alerta de bomba esvazia shopping em cidade na França

15:24 - Nasa anuncia que descobriu sete planetas habitáveis

09:33 - Fui estuprada todos os dias por um mês, conta refém do Estado Islâmico

Terça, 21 de fevereiro de 2017

16:40 - Corpos de 74 imigrantes são encontrados em praias da Líbia

15:40 - Ex-agente da CIA detida em Portugal será extraditada para Itália

09:35 - Cerca de 1,4 milhão de crianças correm risco de morrer por desnutrição


 veja mais
Cuiabá, Sexta, 24/02/2017
 

WhatsApp Twuitter
WhatsApp

Fogo Cruzado waze

titulo_jornal Sexta, 24/02/2017
A62e5578094d90cd223922c882d8cb18 anteriores




Rádios ao vivo
  • cbn
  • cbn
Indicadores Financeiros
Dólar Comercial 3,0656 -0,12%
Ouro - BM&F (à vista) 122,40 +0,66%
+ veja mais
Mercado Agropecuário
Boi Gordo @ 126,00
Soja - saca 60 kg 64,50
+ veja mais
Mais Lidas Enquete

Reforma trabalhista prevê que patrões e empregados poderão negociar a jornada de trabalho, desde que não exceda 220h/mês. Qual sua opinião?



Logo_classifacil