Terça, 10 de janeiro de 2017, 11h12

Governo Obama tenta assegurar acordo com Irã


Estadao

Autoridades dos Estados Unidos, Europa e Irã se encontram nesta terça-feira em Viena, no que é visto como a última oportunidade para o governo do presidente Barack Obama impulsionar as chances de sobrevivência do acordo nuclear iraniano com seus parceiros antes da chegada de Donald Trump à Casa Branca.

Nos últimos meses, a Comissão aprovou a isenção de alguns materiais do programa nuclear e buscou tomar medidas para impedir que regime de Teerã não viole os acordos em outros materiais, como o urânio e a água pesada.

Durante a campanha norte-americana, no ano passado, Trump atacou repetidas vezes o acordo, um dos principais legados de política externa de Obama. Após as eleições de 8 de novembro, autoridades do atual governo afirmam que eles buscavam maneiras de assegurar que ele não seja desfeito pelo próximo presidente.

Entre os assuntos a ser discutido na reunião desta terça-feira, estão reclamações sobre a decisão do Congresso norte-americano de estender sanções não relacionadas ao programa nuclear ao Irã.

O encontro também deve decidir sobre a importação de urânio não enriquecido ao Irã, que não pode ser utilizado, pelo menos nesta forma, para o programa nuclear. Autoridades norte-americanas afirmam que o Irã pode utilizar o material - importado da Rússia - para abastecer a usina de Bushehr. O país também precisa concordar com medidas de supervisão do material pelos próximos 25 anos. 



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quinta, 19 de janeiro de 2017

16:36 - Obama divulga carta de despedida ao povo americano

15:55 - Saiba como será a posse de Donald Trump

15:35 - Trump ainda nem tomou posse e já divulga slogan para buscar reeleição em 2020

Quarta, 18 de janeiro de 2017

15:55 - Trump afirma que usa Twitter 'para combater mídia desonesta'

09:44 - Vice de Trump promete grandes investimentos em infraestrutura

09:34 - Obama manda soltar fonte militar americana

09:30 - Ex-presidente dos EUA George H. W. Bush é hospitalizado

Terça, 17 de janeiro de 2017

17:12 - Trump assume com pior popularidade em 40 anos

09:24 - Trump critica dólar forte e proposta de reforma

Segunda, 16 de janeiro de 2017

14:34 - Obama afirma que acordo nuclear trouxe resultados 'concretos'


// leia também

Quinta, 19 de janeiro de 2017

15:21 - Estado Islâmico matou 12 prisioneiros em Palmira, afirmam ativistas

09:46 - Colapso de prédio em chamas no Irã mata 30 bombeiros

09:34 - Avalanche na Itália arrastou hotel por 10 metros

09:19 - Avalanche atinge hotel e deixa dezenas soterradas

Quarta, 18 de janeiro de 2017

16:20 - Alemanha marca eleição federal para 24 de setembro

16:15 - Estudante abre fogo em escola americana no México

Terça, 17 de janeiro de 2017

17:07 - Com inflação galopante, Venezuela tem filas para comprar pão

16:20 - Ataque por engano a campo de refugiados deixa 100 mortos na Nigéria

09:44 - Maduro diz que dificilmente Trump será pior que Obama

09:16 - Turquia prende terrorista que fez ataque em boate


 veja mais
Cuiabá, Sexta, 20/01/2017
 

WhatsApp


Fogo Cruzado waze

titulo_jornal Sexta, 20/01/2017
4fa6f0aa8dc554a3a883d344d91b9b74 anteriores




Rádios ao vivo
  • cbn
  • cbn
Indicadores Financeiros
Dólar Comercial 3,2193 +0,25%
Ouro - BM&F (à vista) 125,00 +0,81%
+ veja mais
Mercado Agropecuário
Boi Gordo @ 131,00
Soja - saca 60 kg 66,50
+ veja mais
Mais Lidas Enquete

Uma lei municipal de 2016 determina que todos os assentos do transporte coletivo de Cuiabá são preferenciais para idosos, gestantes e deficientes. Você concorda com isso?



Logo_classifacil