Trump completa um ano de Casa Branca com o governo paralisado | Gazeta Digital

Sábado, 20 de janeiro de 2018, 11h49

'shutdown'

Trump completa um ano de Casa Branca com o governo paralisado


R7

O presidente dos EUA Donald Trump completa neste sábado (20) seu primeiro ano de mandato diante de um imenso problema administrativo. Por falta de acordo, o governo norte-americano entrará em shutdown na próxima segunda-feira.

O shutdown, como é conhecido o fechamento de entidades ligadas ao governo, acontece porque o orçamento federal para 2018, que deveria ter sido aprovado no final de setembro de 2017, ainda não foi fechado. Desde dezembro, o governo vem operando com base em orçamentos temporários.

Agência Estado

A situação é uma grande derrota política para Trump, já que seu partido Republicano tem maioria tanto no Congresso como no Senado. Para Geraldo Zaran, professor de Relações Internacionais da PUC-SP, o presidente dos EUA e seu partido sairão mais desgastados da paralisação:

— Eles têm as duas casas na mão, a culpa vai ser deles. No fim do ano, com as eleições parlamentares da metade do mandato, todos os republicanos têm a perder. Até por isso, não acredito que esse shutdown vá se estender por muito tempo.

Essa será a nona vez que uma paralisação do tipo acontece nos EUA, e a segunda vez neste século. Antes, outros shutdowns aconteceram em 1980, 1981, 1984, 1986, 1990, 1995, 1995-96 e 2013.

Cinco anos atrás, a parada do governo durou 16 dias, de 1º a 16 de outubro, e diariamente 850 mil funcionários públicos ligados a entidades federais pararam de trabalhar. Posteriormente, eles receberam os salários retroativos, após um acordo com a Casa Branca.

Segundo informações da CNN, com a paralisação, todos os setores não-emergenciais do governo param por completo, especialmente os parques, museus e reservas federais. Serviços como emissão de passaportes e empréstimos para pequenas empresas também são suspensos. Militares e outros funcionários permanecem trabalhando, mas precisam de acordos para receber os retroativos.

— O que acontece é que, como não existe uma lei para o orçamento de 2018, o governo não tem mais autorização para continuar pagando suas despesas.

Desavenças

A grande questão no Congresso norte-americano é que os republicanos precisavam de votos dos democratas para aprovar um orçamento-tampão que manteria o governo funcionando até fevereiro. Eles contam com 50 votos, mas precisam de 60 para a lei passar.

Durante a semana, um acordo bipartidário chegou a ser firmado. Os democratas querem que o governo dê proteção legal e garantias a imigrantes ilegais, especialmente os jovens do programa DACA que será encerrado em março, mas o acordo foi cancelado após a já famosa reunião em que o presidente Trump se referiu à África e ao Haiti como "países de m..." 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Domingo, 20 de maio de 2018

12:30 - Guerra comercial com China está 'em suspenso', mas pode haver tarifas, dizem EUA

11:36 - Sobe para 13 o número de feridos em tiroteio em escola no Texas

10:38 - Não foi encontrado qualquer sinal de conluio com Rússia na campanha, diz Trump

Sexta, 18 de maio de 2018

18:00 - EUA aprovam primeiro medicamento desenvolvido para prevenir enxaquecas crônicas

16:15 - Diretor da OMS alerta que crise na Venezuela pode causar surtos no Brasil

12:55 - Ataque a tiros em escola do Texas deixa ao menos 8 mortos

Quarta, 16 de maio de 2018

15:48 - Comissão do Senado dos EUA diz que Rússia interferiu na eleição presidencial

15:28 - Universidade de Michigan pagará US$ 500 milhões às vítimas de Larry Nassar

Terça, 15 de maio de 2018

15:12 - Babá é sentenciada à prisão perpétua após matar duas crianças nos EUA

Sexta, 11 de maio de 2018

16:57 - Plano de Trump para baratear remédios combaterá 'injustiças' de outros países


// leia também

Domingo, 20 de maio de 2018

14:00 - Sobe para 21 número de casos confirmados de ebola no Congo

10:10 - Venezuela escolhe presidente em meio a crise e boicote da oposição

Sábado, 19 de maio de 2018

16:30 - Ministro de Saúde Pública confirma três novos casos de Ebola no Congo

15:00 - Coreia do Norte exige retorno de 12 garçonetes que foram para o Sul em 2016

14:00 - Não há brasileiros entre vítimas de avião em Cuba

13:30 - Países latino-americanos contestam Maduro e dizem ter recebido 1,5mi de migrantes

09:20 - Governo de Cuba decreta luto oficial por acidente aéreo em Havana

08:32 - Príncipe Harry e Meghan Markle estão oficialmente casados

Sexta, 18 de maio de 2018

19:30 - Anistia Internacional questiona imparcialidade da Polícia Civil no caso Marielle

17:22 - Sobreviventes do desastre aéreo são mulheres


 veja mais
Cuiabá, Domingo, 20/05/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Domingo, 20/05/2018
Af7895dd5d44ae30a0df41bad44cfd58 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Entre as novidades nos tratamentos de saúde, qual o mais importante?




Logo_classifacil









Loja Virtual