Financiador do PCC e ex-integrante da cúpula da facção é morto no interior de SP | Gazeta Digital

Terça, 05 de dezembro de 2017, 16h26

Financiador do PCC e ex-integrante da cúpula da facção é morto no interior de SP


Estadao

O traficante de drogas Edilson Borges Nogueira, o Biroska, de 44 anos, foi assassinado a facadas nesta terça-feira, 5, durante o banho de sol na Penitenciária 2 (P2) de Presidente Venceslau, no interior de São Paulo, onde estão detidos a maioria dos chefes do Primeiro Comando da Capital (PCC). Um dos maiores líderes e financiadores dessa facção criminosa, Biroska era responsável pelo tráfico de drogas em Diadema, no ABC Paulista, e pertencera à cúpula do crime organizado.

Seu assassinato acontece em meio à revelação feita pelo procurador de Justiça Márcio Sérgio Christino de que o líder máximo do PCC, Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola, teria sido informante da polícia, entregando antigos líderes da facção para assumir o poder.

Dois homens participaram do ataque a Biroska. Seriam os presos Danilo Antonio Cirino Felix, de 29, e Gilberto Souza Barbosa Silva, o Caveira, de 46. De acordo com os agentes penitenciários, Felix segurou a vítima pelo pescoço enquanto Caveira o golpeava com um estilete. Quando eles intervieram, já era tarde.

Para investigadores que acompanham o caso, Biroska jamais seria assassinado na P2 de Presidente Venceslau sem ordem de cima, da cúpula da facção. O bandido estava preso havia 12 anos. Depois de dominar o tráfico de drogas na região de Diadema e expandir seus negócios para a zona sul de São Paulo, Biroska passou a atuar no transporte de drogas para São Paulo. Acabou preso.

Na prisão, ele se uniu ao PCC, participando durante dez anos da chamada Sintonia Final Geral, a cúpula da organização criminosa. Por isso, foi denunciado pelo Ministério Público Estadual em 2013 por organização criminosa. Durante as investigações, 47 fuzis, 64 veículos, 4,7 toneladas de drogas e mais de R$ 1,1 milhão foram apreendidos.

‘Esse colegiado de líderes que integram a cúpula da facção dita a ’palavra final’ do PCC, ou seja, todos os setores da empresa criminosa são subordinados a eles, nada acontece na rua ou no sistema penitenciário, sem que os referidos líderes tenham avalizado‘, afirma a denúncia do promotoria.

Foi Biroska um dos traficantes que participaram em outubro de 2010 dos contatos entre a cúpula do PCC com a Amigos dos Amigos (ADA), a facção criminosa fluminense chefiada por Antônio Francisco Bonfim Lopes, o Nem, então líder do tráfico de drogas na Favela da Rocinha, na zona sul do Rio de Janeiro.

Durante esses anos, o negócio das drogas na região dominada por Biroska era um negócio pessoal do traficante, que ao lado de Marco Paulo Nunes da Silva, o Vietnã, tornou-se um dos grandes financiadores da facção.

As coisas começaram a mudar para Biroska dentro da facção depois de uma briga entre mulheres. De acordo com investigadores, Biroska foi afastado da cúpula porque sua mulher teria se desentendido com outra mulher de um detento do grupo - seu caso seria decidido por Marcola assim que ele deixasse o Regime Disciplinar Diferenciado (RDD), no próximo dia 8, onde foi internado no ano passado. Recentemente, a cúpula da facção soltou um comunicado em apoio a Marcola contra as revelações feitas pelo livro do procurador.

Em liberdade, Rogério Jeremias de Simone, o Gegê do Mangue, outro integrante da cúpula, assumiu o comando da facção nas ruas. Gegê primeiro teria assumido o controle do tráfico na fronteira com o Paraguai e, agora, estaria refugiado na Bolívia, de onde comandaria os negócios.

 

 

 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Terça, 24 de abril de 2018

09:59 - Morador de rua é espancado com taco em frente a padaria em SP

Domingo, 22 de abril de 2018

11:00 - Em fuga num campinho de futebol, adolescente morre com tiro no tórax

Sábado, 21 de abril de 2018

14:00 - Advogado pede à Justiça que barre quadro de R$ 85 mil de Serra no Bandeirantes

09:24 - Polícia Civil encerra inquérito de agredido em frente a Instituto Lula

Sexta, 20 de abril de 2018

09:27 - Tiroteio em ônibus mata 2 e fere 5 na zona sul de São Paulo

Quinta, 19 de abril de 2018

19:30 - Polícia procura suspeitos de latrocínio em Osasco

09:55 - Polícia Civil prende quadrilha suspeita de roubar celulares em SP

Quarta, 18 de abril de 2018

14:14 - Teto de escola infantil desaba e deixa pelo menos 19 feridos

Segunda, 16 de abril de 2018

17:00 - Morador de rua é encontrado morto no centro de São Paulo

Domingo, 15 de abril de 2018

10:44 - Justiça manda prefeitura devolver documentos e objetos de morador de rua


// leia também

Quarta, 25 de abril de 2018

11:53 - Polícia prende 12 pessoas em nova operação contra quadrilha de milicianos no Rio

09:35 - PF indicia 23 por desvios de recursos da UFSC

09:25 - Justiça analisa liberdade de 138 detidos em ação contra a milícia

Terça, 24 de abril de 2018

17:00 - Receita apreende carga de heroína e explosivo no Galeão

16:46 - Usuário de maconha terá aplicativo para monitorar danos causados pela droga

14:55 - Carro onde estava Marielle Franco passará por nova perícia

14:49 - Polícia busca homem suspeito de mandar matar genro por ser negro

13:25 - Tropas cercam morros do Rio que lutam pelo controle do tráfico

09:45 - Mais de 17 milhões de brasileiros até 14 anos vivem na pobreza

Segunda, 23 de abril de 2018

19:00 - Procuradoria dá cinco dias ao Incra para pedir reintegração de terras no Pará


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 25/04/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 25/04/2018
72a9403112aff7a049263a318f98e418 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Proposta sugere que presos ainda não condenados tenham prisão substituída por atividades escolares




Logo_classifacil









Loja Virtual