Racha | Gazeta Digital

Quarta, 29 de novembro de 2017, 00h00

Racha


Este episódio representa o acirramento das divergências entre a dupla de delegados que comandou as investigações da grampolândia e o grupo de colegas que se revoltou contra a prisão de Rogers Jarbas. No dia do cumprimento dos mandados de busca e apreensão na sede da Secretaria e de prisão, cerca de 40 delegados acompanharam Jarbas. Antes de ser encaminhado ao Fórum da Capital, Jarbas foi à sede do Tribunal de Justiça juntamente com os delegados que o apoiavam, em gesto interpretado como acinte ao desembargador Orlando Perri, autor do decreto de prisão. O ex-secretário cumpre medidas cautelares após ser libertado em outubro.

PPA

Os vereadores rejeitaram, durante sessão plenária desta terça-feira (28), a emenda ao Plano Plurianual (PPA) apresentada pelo vereador Marcelo Bussiki (PSB) para a criação de um controle externo na Câmara de Cuiabá. A emenda foi rejeitada por 17 votos, contra seis a favor e uma abstenção.
Votaram a favor da emenda os vereadores Abilio Junior (PSC), Dilemário Alencar (Pros), Toninho de Souza (PSD), Felipe Wellaton (PV), Gilberto Figueiredo (PSB), além do próprio Marcelo Bussiki (PSB). Apenas o vereador Diego Guimarães (PP) se absteve.

Buscando apoio

Pré-candidato à Presidência da República, o deputado Jair Bolsonaro (PSC), busca uma aproximação com o setor produtivo do país, de olho em importantes dividendos eleitorais. Ontem, o polêmico parlamentar participou de uma reunião da Frente Parlamentar da Agricultura (FPA) e rasgou elogios ao agronegócio, já falando como pré-candidato. ‘A economia se segurou graças ao agronegócio, graças ao campo. Por isso é preciso fortalecer a capacidade do Brasil de produção, com diminuição da carga tributária, com condições de igualdade na exportação, com rodovias e ferrovias de qualidade para reduzir o frete‘, afirmou.

Torcida

Os deputados estaduais engrossaram a torcida do governo do Estado pela aprovação do repasse do FEX na Câmara Federal. O interesse especial dos parlamentares pelo recurso que pode dar um fôlego às contas públicas neste fim de ano tem nome: emendas. Conforme antecipou o jornal A Gazeta, por conta da crise, o governo pagou cerca de 10% das emendas previstas para este ano. Com o FEX, em torno de R$ 50 milhões seriam destinados a este fim, para garantir os compromissos assumidos pelos deputados com suas bases.

Nota

Diante de denúncias veiculadas na imprensa nos últimos dias apontando para suspeita de má-gestão, altos salários, nepotismo e possíveis desvios de recursos bem como uso indevido de leitos do SUS para fins particulares envolvendo as unidades da Santa Casa de Cuiabá e de Rondonópolis, uma nota foi divulgada na terça-feira (28) pela Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos de Mato Grosso (Fehosmt). No documento, a presidente da Federação, Maria Elisabeth Meurer Alves, garante que as denúncias são improcedentes com intuito de confundir a população e denegrir a imagem das instituições.

Fraudes

Mato Grosso é citado na Operação Vinil, deflagrada em conjunto entre Polícia Federal e Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), para apurar o envolvimento de empresas em fraudes licitatórias envolvendo obras de saneamento básico. De acordo com reportagem do jornal Folha de São Paulo, metade das fraudes detectadas ocorreu em 13 estados, entre eles Mato Grosso. As empresas suspeitas seriam do ramo de PVC e tubulações. O inquérito corre em sigilo, por isso a PF não deu mais detalhes sobre as investigações.

Deu no GD

Embora os inquéritos da ‘grampolândia pantaneira‘ tenham sido enviados para o STJ em outubro, portanto, há mais de 1 mês, o assunto ainda causa discórdia entre membros da Polícia Civil de Mato Grosso.
Por causa de comentários e críticas feitos num grupo de WhatsApp, o delegado Vitor Chab Domingues foi acionado na Justiça sob acusação de praticar calúnia e difamação, pois teria proferido palavras de baixo calão contra os colegas Ana Cristina Feldner e Flávio Stringueta, que conduziam as investigações da grampolândia. A confusão começou quando Feldner e Stringueta cumpriram mandado contra Rogers Jarbas, também delegado e que atuava como secretário de Segurança Pública do Estado.

Prestígio

Aliás, a importância do agronegócio e seus indicadores positivos mesmo em meio à crise fez crescer os olhos dos políticos. O prestígio ficou evidente na atual gestão de Michel Temer, que sequer cogita a possibilidade de trocar Blairo Maggi do comando do Ministério da Agricultura. Durante os entendimentos que antecederam votações decisivas no Congresso Nacional, a bancada ruralista foi contemplada com medidas importantes seguidas vezes. E o apoio ao setor certamente estará na pauta dos candidatos à Presidência em 2018.
 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// leia também

Terça, 23 de janeiro de 2018

00:00 - 'Caravana'

Segunda, 22 de janeiro de 2018

00:00 - Da Holanda para Tangará

Domingo, 21 de janeiro de 2018

00:00 - Precatórios

Sábado, 20 de janeiro de 2018

00:00 - Nas mãos do STF

Sexta, 19 de janeiro de 2018

00:00 - Bancada mais leal

Quinta, 18 de janeiro de 2018

00:00 - Forte demais

Quarta, 17 de janeiro de 2018

00:00 - Eleições

Terça, 16 de janeiro de 2018

00:00 - Espera sem fim

Segunda, 15 de janeiro de 2018

00:00 - Próxima vítima

Domingo, 14 de janeiro de 2018

00:00 - Problema à vista


 veja mais
Cuiabá, Terça, 23/01/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Terça, 23/01/2018
Ee7bba5599143b6808c910b7421e152b anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Algum novato, de fora da política, pode surpreender nas eleições para presidente da República?




Logo_classifacil









Loja Virtual