Separados | Gazeta Digital

Terça, 30 de janeiro de 2018, 00h00

Separados


Os atendimentos na maior unidade de Saúde de Várzea Grande, aliás, sofreram mudanças após um desentendimento entre a mãe de uma paciente e funcionários, o que acabou viralizando nas redes sociais. O maior problema é que as pessoas não querem aguardar a vez de acordo com a classificação do Ministério da Saúde para os casos de urgência e de emergência.

Regimento

Presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Eduardo Botelho (PSB) já deu o recado: se os parlamentares escolhidos por ele para compor a investigação não comparecerem nas três primeiras reuniões, a CPI está cancelada. Segundo o socialista, é o que está previsto no Regimento Interno.

Me engana

Comentário de um chefe de Poder quanto ao pedido do governador: “Ele fala de números e de crise, mas não mostra a realidade da arrecadação e o fato de que é dele o descontrole nos gastos e não de gestões passadas”.

Argumentos

O problema é que o atual governo sempre colocou o empréstimo com o Bank of America como um grande problema, por causa da variação do dólar em relação ao real. Em 2015, essa variação foi para maior. Já em 2016, a parcela em dólar teve variação para alta no primeiro semestre e para baixa no segundo. Já em 2017, foi viés de baixa, então, a tendência é que esse não deveria ser um problema tão grande assim.

Risco alto

As chances de uma investigação (séria) da CPI do Fethab e do Fundeb encontrar uma maquiagem nos números da arrecadação do governo do Estado seriam excessivamente grandes. Isto tem assustado e afastado alguns deputados da possibilidade de fazerem parte da famosa CPI, que parece já ser natimorta.

Sem suspeitas

Eduardo Botelho, aliás, disse ter escolhido o deputado Mauro Savi (PSB) para presidir a CPI por se tratar de um parlamentar que transita bem entre os blocos da situação e da oposição. Também foi taxativo ao afirmar que o fato de Savi ter se tornado réu em uma ação por supostamente ter desviado recursos da Secretaria de Estado de Meio Ambiente não tem nada a ver com a CPI.

Para dentro

Por ordem da prefeita Lucimar Campos (DEM), toda a estrutura da Secretaria de Saúde de Várzea Grande foi para dentro do Hospital e Pronto-Socorro Municipal. A ideia é mudar a forma de atendimento e agilizar o acesso das pessoas. A unidade está atendendo uma média de mais de 600 pacientes por dia.

Persuasão

O governador Pedro Taques (PSDB) conseguiu o inimaginável: chamou os chefes de Poderes Constituídos para tratar dos duodécimos atrasados de 2016 e 2017, que chegariam a R$ 500 milhões, e, no decorrer da reunião, além de fazer uma nova promessa de acertar esses valores num futuro incerto, ainda os “convenceu” de emprestar mais 20% dos repasses de cada um para pagar a parcela do empréstimo internacional que vence em março.
 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// leia também

Domingo, 20 de maio de 2018

00:00 - Ararath

Sábado, 19 de maio de 2018

00:00 - Calote

Sexta, 18 de maio de 2018

00:00 - Mensageiros

Quinta, 17 de maio de 2018

00:00 - Estranho

Quarta, 16 de maio de 2018

00:00 - Até quando?

Terça, 15 de maio de 2018

00:00 - Discussão

Segunda, 14 de maio de 2018

00:00 - Propina

Domingo, 13 de maio de 2018

00:00 - 1ª pós-Selma

Sábado, 12 de maio de 2018

00:00 - Prioridades

Sexta, 11 de maio de 2018

00:00 - Boato


 veja mais
Cuiabá, Domingo, 20/05/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Domingo, 20/05/2018
Af7895dd5d44ae30a0df41bad44cfd58 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

O que esperar das eleições presidenciais na Venezuela neste domingo?




Logo_classifacil









Loja Virtual