Cuiabá garante tratamento a soropositivos | Gazeta Digital

Quinta, 03 de novembro de 2016, 16h55

Assistência Especializada

Cuiabá garante tratamento a soropositivos

Viviane Moura, redação TJMT


Há oito meses, o ambientalista Cláudio (nome fictício), de 22 anos, descobriu que era soropositivo para o vírus do HIV/Aids. Uma descoberta que antecedeu meses de diagnósticos incorretos que apontavam para outro problema de saúde, doença que tratou por quase um ano em pelo menos três hospitais da Capital do Estado.

Contudo, como não melhorava, procurou um posto do Serviço de Assistência Especializada (SAE) – Centro de Testagem e Aconselhamento do bairro onde mora. Após um exame foi detectado o HPV (Papiloma Vírus Humano), um tipo de doença sexualmente transmissível. Nestes casos, os profissionais da unidade de saúde sugerem testes rápidos para a detecção de HIV, sífilis ou hepatites A e B. E os resultados foram negativos, exceto para o HIV.

“Não acreditei quando vi escrito no exame ‘positivo’. Fiquei muito preocupado, mas fui bem amparado pelo SAE, que oferece atendimento rápido, eficiente e sigiloso. Quando você ouve falar que uma pessoa foi positivada pelo vírus da Aids, tem uma reação, quando é você, o choque é grande. Me conscientizei sobre meu problema de saúde, e posso dizer não tenho mais medo da Aids, pois sei que há tratamento”, revela o portador.

Cláudio destaca que o mais importante passo que alguém infectado pelo vírus pode dar é decidir que quer viver. “O único meio para conseguir ter saúde e qualidade de vida é se tratar. A minha recomendação é que toda pessoa que for diagnosticada com o HIV se trate e tenha uma vida normal, como a minha”.

De acordo com a enfermeira do SAE Grande Terceiro, Eliney Maria Araújo, o caminho seguido pelo ambientalista, além de ser o mais seguro, é o mais prático. O teste é confidencial e muito rápido, basta uma gotinha do sangue do paciente e o resultado sai em 15 minutos, com mais de 99% de precisão. Ele é feito 30 dias após a última relação sexual.

“Como temos um público bastante específico, nosso foco é o acolhimento humanizado. A detecção do HIV é um momento íntimo e muito frágil, por esse motivo primamos pela privacidade das informações do paciente. Orientamos ainda que os usuários do SAE façam o acompanhamento psicológico. Entretanto, o mais importante é que todos saibam que estão suscetíveis ao contágio, basta praticar sexo desprotegido com uma pessoa infectada”, ressalta a enfermeira.

Atualmente, somente a cidade de Cuiabá possui 3.164 pacientes cadastrados como soropositivos. E, segundo a enfermeira, para cada pessoa identificada com o HIV, outras quatro desconhecem a condição de portador do vírus. Em Várzea Grande, o número é menor, são 799 casos confirmados.

Serviços

Os SAEs dispõem de equipes multidisciplinares que contam com médico infectologista, ginecologista, pediatra-infecto, nutricionista, psicólogo e enfermeiros.

No local também é ofertado atendimento odontológico e os medicamentos utilizados no tratamento, que são entregues gratuitamente, todos os meses, na farmácia da unidade. O atendimento é realizado de segunda à sexta-feira, das 7h às 17h.

Em Mato Grosso, há treze postos do SAE. Nos municípios onde não há unidade, o atendimento pode ser feito por um médico da cidade e encaminhado para o Centro Estadual de Referência de Média e Alta Complexidades de Mato Grosso (Cermac), para tratamento.

No Brasil há legislação que ampara os contaminados pelos vírus HIV, a exemplo da Declaração dos Direitos Fundamentais da Pessoa Portadora do Vírus da Aids. Dentre os benefícios assegurados estão o direito à assistência e tratamento, como o oferecido pelos SAEs, saque do FGTS, isenção de impostos, sigilo no trabalho, auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, gratuidade do transporte público, prioridade em processos judiciais, entre outros.



Coordenadoria de Comunicação do TJMT
imprensa@tjmt.jus.br
(65) 3617-3393/3394/3409
 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Segunda, 18 de dezembro de 2017

11:26 - Crianças portadoras do HIV terão novo medicamento com tecnologia inovadora

Sexta, 01 de dezembro de 2017

17:51 - Europa registra maior número de novos casos de HIV desde 1980

17:15 - Cai número de casos de aids no Brasil no período entre 2014 e 2016

07:40 - A cada dia uma pessoa descobre ter Aids em MT

Quinta, 22 de junho de 2017

08:00 - Falta de remédio afeta 5 mil portadores de HIV em Mato Grosso

Segunda, 29 de maio de 2017

17:09 - Cuiabano cria aplicativo para portadores de HIV

Quinta, 01 de dezembro de 2016

00:02 - MT tem mais de 9 mil portadores do vírus HIV

Quarta, 30 de novembro de 2016

11:41 - 112 mil pessoas vivem com HIV e não sabem

Sexta, 18 de novembro de 2016

09:44 - Israelenses desenvolvem droga para combater a Aids

Sexta, 09 de setembro de 2016

11:32 - Anticorpos são treinados contra HIV


// leia também

Segunda, 22 de janeiro de 2018

19:15 - CGU lança canal para cidadão sugerir melhoras dos serviços públicos

17:56 - Caminhonete furtada em pátio de prefeitura de VG é recuperada

17:28 - Universitário desaparecido estava preso acusado por abuso sexual

16:22 - Homem fica gravemente ferido em acidente no Coxipó do Ouro

16:06 - Posto da biometria no Ganha Tempo do CPA 1 já está funcionando

13:51 - Presidiário com HIV morre internado em hospital do interior

10:30 - Prefeito de Cuiabá descarta cancelar seletivo após denúncia de fraude

08:00 - Politec avança na produção de laudos e expedição de documentos

07:00 - Concurso fraudado para delegados segue suspenso após 2 meses

Domingo, 21 de janeiro de 2018

14:45 - Gol e Parati batem de frente e deixam 6 pessoas feridas em Sorriso


 veja mais
Cuiabá, Terça, 23/01/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Terça, 23/01/2018
Ee7bba5599143b6808c910b7421e152b anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Algum novato, de fora da política, pode surpreender nas eleições para presidente da República?




Logo_classifacil









Loja Virtual