Em Cuiabá 88% dos usuários reprovam transporte coletivo | Gazeta Digital

Sábado, 21 de outubro de 2017, 07h30

Em Cuiabá 88% dos usuários reprovam transporte coletivo

Dantielle Venturini, repórter de A Gazeta


Quase 88% dos usuários que utilizam o transporte coletivo em Cuiabá avaliam o sistema de forma negativa. Para 15,19% o serviço está péssimo, 28,99% avaliam como ruim e para 43,48% o transporte coletivo está regular. Apenas 12,09% dizem que o serviço está bom e 0,25% arrisca um ótimo.

Marcus Vaillant

Os dados fazem parte da pesquisa de opinião sobre a prestação dos serviços públicos delegados de Transporte, da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec). Foram entrevistados 1.580 usuários em agosto deste ano.

No geral, a pior avaliação foi dos usuários das linhas 607-Parque Atalaia/Centro, onde 55,5% dos entrevistados consideram ruim o transporte coletivo na capital, e o 360-Residencial Picolli/Unic, onde 53,1% dos usuários consideraram o sistema ruim.

Os principais problemas apontados pelos usuários estão ligados ao sucateamento da frota, além da falta de mais carros para atender as linhas. Em relação ao grau de conservação, limpeza e conforto dos ônibus, 24,81% consideram ótimo ou bom, 38,10% regular e 37,09% ruim ou péssimo.

Mais da metade dos usuários, 50,8%, disse que pega os veículos lotados a maior parte das vezes durante o trajeto. Já 31,71% das pessoas ouvidas disseram que sempre viajam em ônibus lotados.

Em relação ao horários que os ônibus circulam, 70% dos usuários ouvidos afirmaram que não confiam. Ao serem questionados sobre a pontualidade em que os veículos passam nos pontos, ele afirmaram que 48,99% dos ônibus não são pontuais.

Marcus Vaillant

Esse é um dos problemas relatados pelos usuários da linha 360 do Residencial Picolli. A linha, que não é a única do bairro, é a que mais recebe reclamações. Segundo Jaqueline Firmo, 23, moradora do bairro, a linha possui poucos carros e, por isso, o tempo para conseguir pegar o ônibus chega a ser de mais de 1h. Ela explica que a linha é a única no bairro que vai direto até a faculdade e a região da avenida Beira Rio.

“Na verdade a gente não sabe muito bem o horário certo que ele passa, depende do trânsito no dia, mas em média era para que passasse após 1h30 da saída do outro ônibus, mas às vezes passa depois de 2h ou até depois disso”.

Outro lado - Em nota a Associação dos Transportadores Urbanos (MTU) afirmou que a pesquisa da Arsec é considerada importante para que o serviço de transporte coletivo tenha mais subsídios para atender melhor os usuários. Além disso, a empresa destacou que a pesquisa foi positiva, pois em várias situações avaliadas, os usuários se apresentaram satisfeitos. A empresa informou ainda que tem investido em inovações tecnológicas e de infraestrutura que beneficiem o sistema de transporte coletivo e resultem em conforto para a população.
 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Sexta, 13 de julho de 2018

15:13 - Gratuidade para idosos de 60 a 65 anos começa a valer neste sábado

09:26 - Licitação do transporte em Cuiabá tem que ser feita sem VLT

09:19 - Estudo indica frota pública para transporte coletivo cuiabano

Quinta, 26 de abril de 2018

09:51 - Revoltado, idoso 'quebra' saída de emergência e pula de ônibus em movimento

Segunda, 16 de abril de 2018

12:22 - Moradores protestam contra aumento de 21% na tarifa entre Cuiabá e Leverger - vídeo

Terça, 27 de março de 2018

10:36 - Sancionada, lei dos aplicativos agrada taxistas e preocupa uberistas de MT

Segunda, 19 de março de 2018

11:22 - Cuiabanas sofrem abuso sexual na rotina em coletivos

Quinta, 22 de fevereiro de 2018

10:40 - Garçom leva socos no rosto e nas costas de motorista

Terça, 20 de fevereiro de 2018

15:30 - Universitários perdem aula porque linha de ônibus muda sem aviso

Quarta, 07 de fevereiro de 2018

10:53 - Amarelinhos começam a multar motoristas de ônibus fora da faixa exclusiva


// leia também

Sexta, 20 de julho de 2018

18:45 - Presidente do CRM-MT condena tentativa de barrar atendimentos em saúde

16:34 - Mulheres correm mais risco de sofrer infarto que os homens

11:40 - Santa Casa de Rondonópolis suspende atendimento em UTI pediátrica

09:52 - Irmão de Riva fica ferido após capotar Hilux em rodovia

09:15 - Adolescente morre após se afogar em praia do Rio Araguaia durante festival

09:12 - Prefeitura avalia medida judicial para auxiliar famílias abrigadas em ginásio esportivo

08:32 - Secretaria de Saúde confirma 11 mortes por influenza em Mato Grosso

07:58 - Motociclista morre ao ser atingido por caminhonete

07:42 - Denúncia diz que Arcanjo ameaçou concorrentes e voltou a reunir jagunços

07:26 - Preso, doutor Bumbum afirma que foi perseguido por homem com fuzil


 veja mais
Cuiabá, Sábado, 21/07/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Sábado, 21/07/2018
8fe238dc3a8b0020105115f07e41b41d anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Países onde mais mulheres estão no governo têm menos corrupção, diz estudo




Logo_classifacil









Loja Virtual