Vigilância Epidemiológica descarta caso de febre amarela em MT | Gazeta Digital

Terça, 06 de fevereiro de 2018, 19h40

Vigilância Epidemiológica descarta caso de febre amarela em MT

Redação SES/MT


João Vieira

A Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso, por meio de Nota Informativa da Vigilância Epidemiológica esclarece sobre a recente divulgação por parte do Ministério da Saúde do registro de um caso de febre amarela em humano no Estado. Confira a íntegra da Nota Informativa.

Nota informativa

Assunto: Caso de febre Amarela notificada em 2016 em MT

A Secretaria de Estado da Saúde do Mato Grosso informa que a notificação de febre amarela que consta no Sinam em 2016, referente ao paciente J.O.P. de 70 anos do município de Comodoro foi indevidamente confirmada.

O paciente esteve em viagem no estado de Minas Gerais e após 30 dias de seu retorno os sintomas iniciaram, procurou atendimento médico no referido município. Diante dos sintomas apresentados pelo paciente houve várias suspeitas e para confirmação foram coletadas amostras para os seguintes exames: Hantavírus, Arbovírus, Histoplasmose, Aspergilose, Leptospirose e Febre Mayaro. O paciente ficou hospitalizado recebendo atendimento e antes que fossem processados todos os exames o mesmo veio a óbito.

Dentre os exames realizados o único que apresentou resultado positivo foi o de Arbovírus com agente etiológico Flavivírus (Req. nº 150107000284 do GAL- gerenciador de Ambiente laboratorial-mt.gov.br). Com esse resultado positivo a amostra foi testada especificamente para Febre amarela IgM (Req. nº 150107000284 do GAL- gerenciador de Ambiente laboratorial-mt.gov.br) e o resultado foi recebido no dia 09/01/2017 como Não Reagente.

Assim sendo a área técnica da SES entrou em contato com o ERS de Pontes Lacerda e com o município de Comodoro informando o resultado e orientando que a ficha fosse descartada do Sistema de Informação- SINAN e no dia 25/04/2017 as informações foram repassadas ao Ministério da Saúde no e-mail do COES (Controle de Operações Emergenciais em Saúde).

Cuiabá 06 de Fevereiro de 2018

Alba Valéria Gomes de Melo Via

Gerente de Vigilância de Doenças e Agravos Endêmicos

 

Alessandra Cristina Ferreira de Moraes

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Sábado, 24 de fevereiro de 2018

17:00 - Febre amarela; São Paulo registra 246 casos com 93 mortes desde 2017

Quinta, 22 de fevereiro de 2018

16:02 - Governo estuda ampliar vacinação de febre amarela para todo o país

11:30 - Ministério propõe vacinar toda população contra febre amarela até o fim do ano

Terça, 20 de fevereiro de 2018

13:46 - Saúde confirma morte de 3 macacos por febre amarela em Cuiabá

Sábado, 17 de fevereiro de 2018

14:30 - Primeiras mortes por febre amarela são confirmadas em Bragança Paulista

09:02 - SP registra quatro novos casos autóctones de febre amarela

Sexta, 16 de fevereiro de 2018

19:45 - Três pessoas morrem por febre amarela silvestre na capital paulista

17:15 - Francesa que viajou por Minas Gerais é diagnosticada com febre amarela

Quinta, 15 de fevereiro de 2018

17:00 - Ministério da Saúde recomenda que vacinação contra a febre amarela seja estendida

10:53 - Febre amarela afasta turista de áreas de mata no interior paulista


// leia também

Sábado, 24 de fevereiro de 2018

14:11 - Mais de 34 mil candidatos fazem prova do concurso de Várzea Grande neste domingo

13:11 - Semob prepara operação para clássico Fla-Flu neste sábado

10:45 - Especialista aponta 5 passos para evitar lesões durante atividade física

09:14 - Por obra de escola, indígenas mantêm engenheiro refém em aldeia

Sexta, 23 de fevereiro de 2018

18:12 - Chuva inunda ruas de bairro e Bombeiros são acionados - Veja vídeo

17:23 - Saúde fará contrato de R$ 30 milhões para compra de medicamentos

12:27 - Sesc Pantanal inaugura novo espaço para mobilizar jovens de Poconé

09:40 - Corpo de prematuro filho de bolivianos é repatriado

Quinta, 22 de fevereiro de 2018

16:55 - Prefeitura de VG e Estado entregam títulos definitivos de propriedade

15:52 - Ponto turístico tradicional, Mirante em Chapada é desapropriado


 veja mais
Cuiabá, Sábado, 24/02/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Sábado, 24/02/2018
116961967de356eee6ddd02c7d0c8fb3 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Lei municipal permite que ruas sem saída em Cuiabá sejam fechadas por moradores




Logo_classifacil









Loja Virtual