Conserto de peça para resolver falta d´água em Chapada demora 90 dias | Gazeta Digital

Quinta, 08 de março de 2018, 16h46

Conserto de peça para resolver falta d´água em Chapada demora 90 dias

Karine Miranda, repórter do GD


O Governo do Estado garantiu que o problema da falta de água no município de Chapada dos Guimarães (67 Km ao Norte de Cuiabá) será solucionado em um prazo entre 60 a 90 dias. O período é necessário para que a empresa Higra, responsável por uma bomba hidráulica danificada, consiga sanar o problema que afetou aproximadamente 18 mil pessoas na cidade.

Gcom-MT

Falta de água será solucionada em até 90 dias 

A falta de água teve início em fevereiro, menos de um mês após o Governo do Estado e a prefeitura local terem inaugurado o novo sistema de abastecimento de água do município. O projeto custou R$ 17 milhões.

Segundo o secretário de Estado das Cidades, Wilson Santos, o problema ocorreu em uma peça da bomba, chamada "mancal", que destruiu todo o equipamento.

“Ocorreu que a Higra não fabrica a bomba completa, ela só faz as peças usinadas. Já as peças fundidas, a Higra compra de fornecedores. O que aconteceu foi a compra de material de baixa qualidade para suas bombas, especialmente na peça mancal”, disse durante coletiva de imprensa na tarde desta quinta-feira (8).

Segundo o secretário, foram feitas mais de 100 horas de testes com a bomba, desde o final de novembro de 2017, e não houve problema com a referida peça. Ele, porém, descarta que a demanda de água oriunda do aumento do número de pessoas na cidade em razão do carnaval tenha causado o problema na bomba.

Isto porque a bomba tem capacidade de bombear até 900 metros cúbicos de água, mas foram utilizados 230 metros cúbicos de água na época do carnaval, considerado a potência mínima necessária para suprir a demanda de água do município.

“A bomba tem potência de 400 cavalos e não funcionam as duas ao mesmo tempo, mas o sistema não pode funcionar com uma bomba só, precisa de uma de reserva. (...) Então, quando iniciou a pressão em uma, ocorreu depois na outra também e estourou tudo. Esse sistema é para atender uma cidade de 60 mil habitantes ao mesmo tempo”.

Gcom-MT

Estação de tratamento foi inaugurado há um mês

Para solucionar o problema, segundo Wilson, já estão sendo construídas duas novas bombas, com novas peças fundidas, de outro fornecedor. A bomba é feita exclusivamente para atender novo sistema de abastecimento de água do município. O prazo solicitado pela empresa para a construção e operação é de 60 a 90 dias.

“As bombas são feitas a pedido, específicas. Cada bomba dessa empurra água a 5.750 metros morro acima. A água é captada em um desnível de mais ou menos 350 metros em relação à zona urbana de Chapada. Ela é bem no encontro dos córregos Cachoeira Rica e Vassoural. Ali que a prefeitura capta a água", explicou.

O secretário assegurou ainda que o investimento para aquisição das novas bombas não será custeado pela  administração pública, em razão da obra ter prazo de  um ano de garantia. "As falhas apresentadas serão corrigidas sem ônus para a Prefeitura de Chapada dos Guimarães e Estado”, destacou.

Conscientização – A Prefeita de Chapada de Guimarães, Thelma de Oliveira, afirmou que assim que solucionado o problema, será necessário um trabalho de conscientização dos moradores para que eles ampliem as suas reservas, de modo a não faltar mais água. “Não tem reserva suficiente para armazenar água. Mas, se reservou, você deixa de bombear e gasta menos energia. Tudo isso é energia elétrica”, disse.

Isto porque, segundo ela, a maioria das casas tem pequenos reservatórios, mas uma grande demanda em períodos em que há eventos na cidade.  "Teremos que fazer um outro tipo de trabalho para conscientizar as pessoas de casos e situações que não tem como passar todo dia tendo que abastecer determinados reservatórios", encerrou.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quinta, 26 de abril de 2018

16:27 - Fumar narguilé em Chapada? Isso não pode!

Sexta, 02 de março de 2018

16:06 - Chapada ainda tem falta d' água e caos na saúde

Segunda, 12 de fevereiro de 2018

13:15 - Falta d'água e prefeita no Carnaval acabam em 'treta'

12:41 - Chapada registra falta d'água em pleno Carnaval

Terça, 23 de janeiro de 2018

17:13 - Audiência vai debater licença para duplicação da Estrada de Chapada

Segunda, 09 de outubro de 2017

09:23 - A pedido do MP, Justiça proíbe tráfego de caminhões na estrada de Chapada

Sábado, 05 de agosto de 2017

14:06 - Chapada terá investimento bilionário em energia solar

Quarta, 02 de agosto de 2017

19:56 - Chapada terá a maior usina de energia solar do Brasil

Quarta, 26 de julho de 2017

12:13 - Igreja Matriz de Chapada é elevada a santuário na Festa de Sant´Ana

Quinta, 12 de março de 2015

09:58 - Prefeito de Chapada renuncia ao cargo


// leia também

Quarta, 20 de junho de 2018

13:00 - MP realiza estudo antropológico para definir o destino de bebê indígena

09:50 - Sine oferta mais de 1.500 vagas de emprego em Mato Grosso

07:30 - Família de esteticista diz que laudo deu respaldo para punir envolvidos

Terça, 19 de junho de 2018

18:17 - Governo do Estado rompe contrato com empresa responsável por obras de aeroporto

16:15 - Prefeitura de Cuiabá abre seletivo com 4 mil vagas e salários de até R$ 3,2 mil

14:35 - Bebê indígena continua internada em UTI em estado grave

13:35 - Homem morre após perder controle de moto e cair em estrada vicinal

12:15 - Alunos e professores da UFMT decidem retomar as aulas dia 25

09:00 - Morre trapezista que caiu durante apresentação

07:44 - Carreta carregada com agrotóxicos tomba na 364


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 20/06/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 20/06/2018
845f3eba647f5498546cb197c3e58484 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Qual o futuro de Neymar nessa Copa do Mundo?




Logo_classifacil









Loja Virtual