Cuiabá, Quarta-feira 24/10/2018

Brasil - A | + A

11.01.2018 | 16h00

Condutor de Camaro nega participação em acidente na Imigrantes

Facebook Print google plus

O motorista do Camaro, que trafegava na rodovia Imigrantes no momento do acidente que matou duas mulheres e deixou seis feridos, se apresentou espontaneamente no 3º Distrito Policial de São Bernardo do Campo, nesta quarta-feira (11) para prestar esclarecimentos.

Em entrevista coletiva, o investigador de polícia de São Paulo, de 46 anos, assumiu que estava dirigindo o veículo GM Camaro, acompanhado do seu filho de 12 anos. Ambos voltavam de Mongaguá, litoral paulista, e estavam a caminho de Caieiras, onde o filho do policial mora.

Internauta

Segundo o delegado que acompanha o caso, Rui Diogo da Silva, o motorista a disse que não participava do racha e que também não estava em alta velocidade, como foi informado por uma testemunha. "Estava de acordo com a velocidade da via, mais ou menos 120 km por hora", afirmou em depoimento.

O investigador falou também que acha que o indicaram de participar do acidente, pois o Camaro chama muita atenção. Ele também ressaltou que o Camaro não é dele e, sim, do filho, que não pode dirigir porque está com habilitação bloqueada por excesso de pontos.

Ele também informou à polícia que não viu a Mercedes e que só ficou sabendo do acidente pela televisão. O policial colocou ele e o carro à disposição da investigação.

Histórico

O Tribunal de Justiça de São Paulo decretou prisão preventiva para André Veloso Micheletti, de 50 anos, (condutor da Mercedes-Benz), acusado de causar o acidente.

De acordo com a Polícia Militar, os motoristas dos dois veículos envolvidos no acidente estavam com as respectivas CNH (Carteira Nacional de Habilitação) cassadas desde 2016.

Em depoimento à polícia, o motorista da Mercedes-Benz disse que dirigia na rodovia quando o Ecosport, outro veículo, mudou de faixa sem sinalizar, e que não houve tempo de frear ou desviar e, por isso, o acidente aconteceu. Micheletti estava dirigindo uma Mercedes-Benz junto com sua esposa Thais Helena Orsolini Micheletti e Osmar Soares do Nascimento. Ninguém ficou ferido.

O outro carro, um Ecosport (foto), era conduzido por André Jardim Gonçalves, de 38 anos. Junto com ele estavam mais sete pessoas, das quais duas são vítimas fatais do acidente: Juliana do Carmo Gamarra, de 40 anos, e Vitoria Alves Furnaleto Gomes, de 21.

Estado de saúde

Wesley Bispo, que estava no Ecosport, foi socorrrido e já liberado pelo hospital. André Gonçalves foi transferido para o Hospital das Clínicas para exame de imagem, ressonância e tomografia; Noah Gonçalves está estável internado na UTI pediátrica no Hospital Mario Covas (Santo André); Murilo Gonçalves fraturou o fêmur e foi encaminhado para o Hospital Estadual Serraria (Diadema); Manuela Gonçalves estava sob observação e foi transferida para um hospital da rede São Cristóvão e Enzo Bispo foi encaminhado para o Hospital São Paulo, mas a família não autorizou a divulgação do estado de saúde.

Perícia

A perícia compareceu ao local do acidente e constatou que o EcoSport foi danificado na colisão e houve vazamento de combustível, por isso a explosão. A Mercedes-Benz também apresenta danos expressivos na parte da frente do automóvel.

A perícia ainda constatou que o veículo Mercedes estava com a velocidade muito superior a velocidade do EcoSport, dada extensão dos danos analisados. Será realizada perícia técnica nos componentes do veículo a fim de aferir a exata velocidade que o veículo Mercedes-Benz desenvolvia no momento da colisão.

Os dois veículos envolvidos no acidente foram apreendidos. A Mercedes passará por uma perícia complementar e a EcoSport espera um responsável para retirá-la. Ambos estavam com a documentação regular. A Mercedes tem uma comunicação de venda no documento.

A Polícia também solicitou a concessionária Ecovias as imagens gravadas pelas câmeras de monitoramento, observadas pelos investigadores pessoalmente na sede da Central de Controle. 

Voltar Imprimir

Comentários

GD

GD

Enquete

O país vai voltar a se unir após as eleições?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 24/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 27,55 -1,78%

Algodão R$ 119,45 0,53%

Boi a Vista R$ 135,80 0,59%

Soja Disponível R$ 74,20 -1,07%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.