Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 23/08/2019

Brasil - A | + A

10.08.2019 | 20h00

Justiça determina que família de músico fuzilado receba R$ 1,500 por mês

Facebook Print google plus

Reprodução

Reprodução

A Justiça Federal determinou que a família de Evaldo dos Santos, morto a tiros pelo Exército, no início de abril, em Guadalupe, na zona norte do Rio de Janeiro, seja indenizada com uma pensão no valor de um salário mínimo e meio por mês, cerca de R$ 1,500.

 

Leia também - Ximbinha chuta celular de fã durante show em Abaetetuba

 

Os advogados de defesa do músico, que foi alvo de aproximadamente 250 tiros no carro onde estava com sua família, entretanto, tinham pedido cinco salários mínimos como pensão. O valor seria três vezes maior do que o decidido pela Justiça Federal.

 

Como a decisão ficou muito abaixo do que a defesa esperava, os advogados pretendem entrar com um recurso para tentar aumentar o valor pago pela União.

 

Esta determinação da Justiça Federal não abrange o catador de recicláveis Luciano Macedo, também morto na mesma ação do Exército. Segundo testemunhas do caso, Luciano tentava ajudar a família de Evaldo a sair do carro quando foi atingido por disparos.

 

Na época, o CML (Comando Militar do Leste) informou que havia reagido a uma “injusta agressão” durante um assalto na região de Guadalupe e que o carro de Evaldo teria sido usado na ação.

 

Segundo a esposa de Evaldo, Luciana Santos, o marido saiu de casa para levá-la em uma festa, enquanto Luciano tinha ido à rua atrás de materiais para a construção de um quarto para o seu filho com sua companheira, que estava grávida.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Qual seria o maior avanço da ciência?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 23/08/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,75 0,77%

Algodão R$ 92,58 -0,51%

Boi a Vista R$ 133,63 0,51%

Soja Disponível R$ 67,90 0,15%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.