Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 23/08/2019

Cidades - A | + A

fotos e vídeos 23.06.2019 | 11h20

Abandonado há 15 anos, hospital São Thomé vira refúgio para moradores de rua

Facebook Print google plus
Ana Flávia Corrêa

anaflavia@gazetadigital.com.br

João Vieira

João Vieira

Fechado há quase 15 anos, o que sobrou do antigo hospital São Thomé, no bairro Consil, foram os escombros. Escondido por entre o mato que cresce desordenadamente, o local virou refúgio para moradores de rua, que utilizam o que sobrou da edificação como moradia.

 

Leia também - Obra em asfalto paralisada causa acidente e transtornos a motoristas e moradores

 

Os moradores fazem suas camas com papelões e improvisam um fogão com uma grade de ventilador velho sustentado por dois tijolos, itens essenciais para subsistência.  Apesar de uma vassoura vermelha estar caída no chão, o que se percebe no local é a sujeira.  A antiga piscina, ao invés de água, hoje é preenchida por lixo.   

 

Por reclamações de vizinhos, a reportagem do esteve no local no início da manhã desta sexta-feira (21). Os relatos apontam que o prédio, além de refúgio, tem sido utilizado para comércio de drogas. 

 

"Ontem tinham dois noiados lá quebrando pau. Lá ficam todos os noiados do Alvorada. Os caras ficam deitados lá, xingam de noite, tinha que falar com a polícia", relatou um morador, que não será identificado.  

 

Em junho de 2017, o Governo do Estado cedeu o uso do local para a fraternidade Shriners Internacional, ligada à Ordem Maçônica para retomar o atendimento do São Thomé. O objetivo era atender casos de ortopedia e tratamentos de queimadura.   

 

Dois anos após o anúncio, o prédio continua inativo. A reportagem entrou em contato com o Governo do Estado para saber sobre o futuro da edificação, mas não teve resposta até a publicação desta matéria devido ao ponto facultativo desta sexta-feira (21).  

 

Veja vídeo:

 

Galeria de fotos

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

Qual seria o maior avanço da ciência?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 23/08/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,95 0,25%

Algodão R$ 92,04 0,24%

Boi a Vista R$ 128,33 0,65%

Soja Disponível R$ 66,20 0,15%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.