Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 16/09/2019

Cidades - A | + A

Superlotação 22.08.2019 | 09h34

Operação na PCE vai criar 300 novas vagas após reforma, mas não resolve problema

Facebook Print google plus

Sesp-MT

Sesp-MT

A reforma da Penitenciária Central do Estado (PCE) que faz parte da Operação Elisson Douglas, que completa 10 dias nesta quinta-feira (22), irá criar 300 novas vagas na unidade. A informação é da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), no entanto, mesmo com essas vagas, a superlotação não será possível, pois cerca de 2.400 detentos estão na PCE nas atuais 900 vagas.

 

Entre as mudanças realizadas na penitenciária estão a retirada de materiais irregulares nas celas, como televisões, celulares e geladeiras, além de lixo, que já ultrapassou uma tonelada. Com a reforma, também foram realizadas alterações na rede elétrica, para que as celas não tenham mais tomadas, fato que permite que celulares sejam carregados dentro das celas.

 

Leia também - Vídeo mostra início da força-tarefa em presídio de Cuiabá

 

Uma das medidas que pode, de fato, minimizar o problema da superlotação é a realização de um mutirão do Tribunal de Justiça, pois mais da metade dos presos na PCE são provisórios, ou seja, ainda não foram julgados. Por isso, muitos podem ter a progressão de regime, com direito à liberdade condicional com uso de tornozeleira, ou mesmo a soltura, se comprovada a inocência.

 

Apesar do anúncio do mutirão, o Poder Judiciário ainda não divulgou a data para a realização. Por enquanto, as visitas continuam suspensas e a previsão é de que a operação continue pelo menos por mais 20 dias. (Com informações da Assessoria)

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Quem é o principal culpado pelas queimadas?

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 16/09/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,60 -0,46%

Algodão R$ 94,70 0,52%

Boi a Vista R$ 139,33 1,26%

Soja Disponível R$ 67,70 -0,15%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.