Cuiabá, Sexta-feira 19/10/2018

Cidades - A | + A

27.07.2018 | 16h45

Rompimento de barragem contamina rio, mata peixes e espanta turistas - veja vídeo

Facebook Print google plus
Divulgação

 Atualizada no sábado, 28 de julho às 10h20 - Um vazamento de vinhaça, resíduo da destilação de cana de açúcar, contaminou as águas do rio Tenente Amaral, localizado em Jaciara (144 km ao sul de Cuiabá) e provocou a morte de peixes e a dispensa de turistas. O local é conhecido pelas atividades de rapel e rafting feitos na Cachoeira da Fumaça e recebe turistas de várias partes do mundo para a prática de esportes radicais.

Segundo a Superintendência Municipal do Meio Ambiente, na última quarta-feira (25) a barragem de uma das lagoas da Usina Porto Seguro se rompeu durante um trabalho de manutenção e levou ao escoamento dos resíduos para o rio.

Imagens registradas pela inspeção, realizada no dia seguinte, mostram a água turva, descreve o mau cheiro e animais mortos por conta da contaminação.

Divulgação

Um guia turístico da região gravou fazer um vídeo para relatar o caos gerado pelo rompimento da barragem. "A água está cheirando mal, muitos peixes estão morrendo", lembrou ao falar sobre os prejuízos causados à fauna e flora.

"Infelizmente nós temos recebidos do Brasil inteiro, estrangeiros também e nós não temos mais Cachoeira da Fumaça para mostrar", lamenta. Veja vídeo completo ao fim da matéria. 

A inspeção realizada no local classificou o caso como “erro operacional”. Ainda na tarde de quinta-feira (26), a equipe de manutenção da usina realizou a recuperação total da lagoa de contenção dos resíduos de vinhaça, onde houve a poluição.

“Hoje [sexta-feira (27)] a água estava limpa”, afirmou o superintendente Lelis Coutinho sobre a situação atual do rio. No entanto, as atividades de esportes radicais feitas nas águas do rio estão suspensas, sem previsão de liberação para os turistas. Amostras de água foram recolhidas para análise.

Um auto de infração ambiental foi emitido contra a Usina Porto Seguro, que também foi multada pelo órgão municial de meio ambiente. Porém o valor não foi informado.

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) já encaminhou equipes para analisar os prejuízos e danos ambientais causados pela contaminação. A Pasta afirmou que irá apurar a degradação do rio e ainda se a usina estava funcionando embargada, medida adotada em junho deste ano após ser constatação de captação de água sem autorização e utilização de área para fertilização e irrigação.

Confira nota na íntegra

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) informa que desde o dia 26 de julho de 2018 já monitora a poluição que acomete o rio Tenente Amaral em Jaciara por meio de uma sala de situação. Uma equipe da Sema já está em campo apurando as causas e responsabilidades do acidente. Um novo grupo chega ao município na tarde desta sexta-feira (27/07) para auxiliar a equipe que já está em campo e realizar um amplo diagnóstico dos danos ambientais, avaliando a qualidade da água e a extensão do dano.

A sala de situação que acompanha o caso é formada pelo Gabinete de Secretário de Estado de Meio Ambiente; Secretaria Adjunta de Licenciamento e Recursos Hídricos; Superintendência de Infraestrutura, Mineração, Indústria e Serviços; Superintendência de Recursos Hídricos; Coordenadoria de Fiscalização de Empreedimentos; Coordenadoria de Indústria; Diretoria de Unidade Desconcentrada de Rondonópolis; Coordenadoria de Monitoramento de Qualidade Ambiental; Batalhão de Emergências Ambientais do Corpo de Bombeiro Militar (BEA - CBMMT); e comissão P2R2.

A Sema informa ainda que o empreendimento Usina Porto Seguro, apontado como causador do lançamento de efluentes no corpo d´água, foi embargado no mês de junho deste ano por captação de água sem outorga e operação de área de fertirrigação em desacordo com as licenças ambientais. A pasta também irá apurar se houve descumprimento do embargo.

Para efeitos de publicidade e transparência, a sala de situação irá informar a população sobre a situação do rio a medida que novas informações e deliberações do caso surgirem.

Confira na íntegra a nota encaminhada pela assessoria da usina na manhã de sábado (28)

NOTA - USINA PORTO SEGURO

A Usina Porto Seguro lamenta o acidente que ocasionou o vazamento de vinhaça no Rio Tenente Amaral, em Jaciara, e informa que já tomou todas as medidas para conter o vazamento - já estancado.

A empresa esclarece que as obras de reforço do reservatório - onde ocorreu o acidente - estavam sendo realizadas para adaptar as exigências da Sema na autuação feita no final do mês passado, o que demonstra a preocupação da empresa com as exigências ambientais e legais.

A Usina também garante que vai tomar todas as medidas para reparar os danos ambientais causados e está cooperando com a "sala de situação", montada pela Sema, para acompanhar a situação na região.

A Usina Porto Seguro emprega mais de 1,5 mil funcionários só na região do Vale do São Lourenço e atua há quase 5 anos com excelência e responsabilidade e, desta forma, está atuando para sanar e reparar os efeitos deste acidente.

A Porto Seguro reconhece a sua dependência de um meio ambiente preservado pois é dele que provém a matéria prima para os seus produtos como milho, cana, água, terra, bagaço e cavaco.

Veja vídeo:

                          

Voltar Imprimir

Comentários

GD

GD

Enquete

Qual sua expectativa sobre os políticos que vão ocupar o Congresso Nacional?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 19/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,05 1,33%

Algodão R$ 119,75 0,53%

Boi a Vista R$ 132,00 -2,58%

Soja Disponível R$ 71,00 0,14%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.