Cuiabá, Segunda-feira 24/09/2018

Esporte - A | + A

08.03.2018 | 18h30

Arsenal bate o Milan na Itália e fica perto das quartas da Liga Europa

Facebook Print google plus

O Milan chegou embalado para encarar um abalado Arsenal e ainda contava com o apoio de um estádio San Siro nesta quinta-feira. Mas o time inglês mostrou que, mesmo em baixa, ainda está um degrau acima do adversário, dominou a partida, venceu por 2 a 0 e colocou um pé nas quartas de final da Liga Europa.

O resultado encerrou uma série de quatro derrotas do Arsenal, além de ter diminuído a pressão sobre o técnico Arsène Wenger. Já o Milan sofreu apenas seu primeiro resultado negativo em 2018 e viu terminar uma sequência de 13 jogos de invencibilidade.

Agora, para buscar uma improvável classificação, o Milan precisa vencer por três gols de diferença, ou um desde que o placar seja superior a 2 a 0, no duelo de volta, quinta-feira que vem, em Londres. Já o Arsenal pode até perder por um gol diante de sua torcida que estará nas quartas.

O time italiano até começou bem nesta quinta e criou bons momentos com Bonaventura e Cutrone, mas pecou na finalização. O Arsenal foi mais preciso e marcou o primeiro logo aos 15 minutos. Mkhitaryan foi lançado pela direita, cortou Calábria e bateu. A bola ainda desviou no meio do caminho e matou Donnarumma.

O gol abalou o Milan, que não soube responder e viu o Arsenal criar as melhores chances. Aos 41, Chambers tentou da entrada da área e parou em ótima defesa de Donnarumma. Aos 46, Mkhitaryan, em lance parecido com o do gol, recebeu pela esquerda, cortou a marcação e bateu bonito, no travessão.

De tanto insistir, o Arsenal ampliou ainda no primeiro tempo. Aos 49, Özil deu enfiada perfeita para Ramsey, que ameaçou a finalização, deixou Donnarumma no chão e tocou para o gol vazio.

O segundo gol minou qualquer chance de reação do Milan. O time até foi para cima na etapa final, mas desordenadamente, facilitando o contra-ataque do Arsenal, que já não parecia interessado em arriscar. Na base da pressão, os donos da casa ainda tentaram, mas sem sucesso.

ATLÉTICO DE MADRID - Na Espanha, o Atlético de Madrid derrotou o Lokomotiv por 3 a 0 e encaminhou a vaga às quartas de final. O time espanhol não deu chances para a zebra e garantiu ótima vantagem para o jogo de volta, que será disputado também na próxima quinta, em Moscou.

A vitória dos espanhóis começou a ser desenhada aos 21 minutos, em lindo chute que Saul Ñíguez acertou de fora da área, no ângulo direito do goleiro. Com apenas um minuto da etapa final, Griezmann finalizou, Guilherme espalmou e Diego Costa aproveitou o rebote. Nos acréscimos, Koke ainda ampliou.

BORUSSIA DORTMUND - Na Alemanha, o Borussia Dortmund se complicou ao ser surpreendido pelo Red Bull Salzburg por 2 a 1. Valon Berisha foi o herói do triunfo austríaco ao marcar os dois primeiros gols, que garantiram ótima vantagem para a volta. O Dortmund descontou com Schürrle.

LYON - Na outra partida do dia já encerrada pelas oitavas da Liga Europa, o Lyon visitou o CSKA Moscou e também conseguiu ótima vantagem para a volta, quinta que vem, na França. O zagueiro brasileiro Marcelo, ex-Santos, marcou o único gol da vitória por 1 a 0. 

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Você já anotou os números dos seis candidatos em quem irá votar nesta eleição?

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 24/09/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21.900 0.920

Algodão R$ 115.180 1.080

Boi a Vista R$ 132.050 0.180

Soja Disponível R$ 78.000 -1.890

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.