Cuiabá, Sábado 20/04/2019

Judiciário - A | + A

fazenda de Gilmar Mendes 09.02.2019 | 08h14

Juiz determina perícia para identificar crime ambiental em fazenda de Gilmar Mendes

Facebook Print google plus
Arthur Santos da Silva

arthur@gazetadigital.com.br

Reprodução

Reprodução

O juiz André Luciano Costa Gahyva, da 1ª Vara Cível de Diamantino (208 km a médio-norte de Cuiabá), determinou a produção de prova pericial para saber sobre possíveis danos ambientais causados em área rural do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes.  

 

Leia também - Patrimônio de Gilmar Mendes e esposa é investigado pela Receita

 

Ação promovida pelo Ministério Publico alega que foi constatado desmate e degradação na área de reserva legal dentro de uma propriedade de Mendes, em Diamantino, bem como captação de águas superficiais perante a margem de um rio sem outorga concedida pela Secretaria de Meio Ambiente (Sema).   

 

Segundo o juiz André Luciano Costa Gahyva, não foi possível constatar, após acusação e defesa, se a área realmente está degradada. Justamente por isso tornou-se necessário realização de perícia especializada.   

 

“As alegações trazidas na peça de defesa dos requeridos deixam este juízo em dúvidas sobre a existência, ou não, de atividade lesiva ao meio ambiente, não restando claro, até agora, se a conduta praticada pelos réus na inicial causou ou esteja em vias de causar dano irreparável ou de difícil reparação ao meio ambiente", afirmou o juiz no dia 6 de fevereiro.   

 

Por desconhecer a verdadeira situação, o magistrado negou pedido liminar que buscava antecipar adequações. Gilmar Mendes é processado em ainda mais 4 ações por crimes ambientais. Familiares do ministro também são acionados no processo.

 

O membro do STF já negou publicamente irregularidades em suas terras em Diamantino.

Voltar Imprimir

Comentários

Chico Ferreira

Chico Ferreira

GD

GD

Enquete

Desenhos animados podem influenciar no comportamento das crianças?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 19/04/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,95 0,50%

Algodão R$ 94,90 -1,05%

Boi a Vista R$ 133,25 0,19%

Soja Disponível R$ 68,00 -0,29%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.