Cuiabá, Sexta-feira 14/12/2018

Judiciário - A | + A

sem privilégios 23.11.2018 | 14h01

Juiz nega pernoite em fazenda e ressalta que igual Arcanjo existem outras 1,5 mil pessoas

Facebook Print google plus
Arthur Santos da Silva

arthur@gazetadigital.com.br

Chico Ferreira

Chico Ferreira

O juiz Geraldo Fidélis, da Vara de Execução Penal de Cuiabá, negou reexaminar decisão que não permitiu ao ex-bicheiro João Arcanjo Ribeiro, pernoitar, durante seus finais de semana, na Fazenda São João, em Várzea Grande.

 

Leia também - Ministério Público vê 'inconsistência' entre ponto e tornozeleira de Arcanjo

 

O magistrado explicou que mais de 1,5 mil pessoas também vivem monitoradas por tornozeleira, no mesmo regime de pena, não sendo justo conceder benefícios somente ao ex-bicheiro.  

 

O requerimento foi negado inicialmente em outubro. Insatisfeito, o antigo chefe do crime organizado em Mato Grosso recorreu. Ele argumentou que no dia 26 de fevereiro, ao passar para o regime semiaberto mediante monitoramento por tornozeleira, foi autorizado a permanecer, das sextas-feiras até os domingos, na referida fazenda.   

 

Para rebater Arcanjo, Fidélis explicou que a permanência não significa dormir no local, visto que a fazenda é próxima da zona urbana de Cuiabá e Várzea Grande.

 

Ainda segundo Fidélis, justamente na decisão de outubro as chances de pernoite na zona rural foram refutadas. Ele explicou que a autorização para lá pernoitar implicaria diretamente na necessidade de abertura de diferente “zonas de inclusão” no monitoramento eletrônico.    

 

Para negar o reexame sobre o caso, o magistrado salientou que existem outras mais de 1,5 mil pessoas cumprindo regime semiaberto só na baixada cuiabana. Caso o benefício fosse concedido a Arcanjo, todos os outros reeducandos deveriam ser beneficiados.  

 

“O mesmo direito e obrigação que possui o senhor João Arcanjo Ribeiro também assiste ao ‘João da Silva’, ao ‘Manoel dos Anjos’ e ao ‘Francisco da Costa’, além dos outros recuperandos”, finalizou Geraldo Fidélis.

Voltar Imprimir

Comentários

Chico Ferreira

Chico Ferreira

GD

GD

Enquete

Qual sua opinião sobre os ministros escolhidos por Jair Bolsonaro?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 14/12/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 24,10 -0,62%

Algodão R$ 116,64 1,07%

Boi a Vista R$ 128,50 -0,39%

Soja Disponível R$ 67,70 0,00%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.