Cuiabá, Terça-feira 18/09/2018

Judiciário - A | + A

07.03.2018 | 18h25

Maníaco acusado de abusar de 20 mulheres ganha liberdade em Cuiabá

Facebook Print google plus
Reprodução

Se apresentando como advogado, massagista e até cantor, estuprador atraía vítimas com propostas de emprego.

Após 7 meses preso sob acusação de estupro, Maurício Campos Teixeira, 54, suspeito de abusar de pelo menos 20 mulheres, foi solto pela Justiça e recebeu o alvará nesta quarta-feira (7). O maníaco sexual estava detido no Centro de Custódia de Cuiabá (CCC).

Maurício foi preso em agosto de 2017, após a denúncia de uma estudante de fisioterapia de 22 anos, que foi atraída pelo criminoso com uma proposta de emprego. Nas redes sociais, ele se apresentava como advogado e massagista, além de cantor evangélico.

Na época, a vítima foi encaminhada através de uma agência de empregos para trabalhar em uma suposta clínica de estética, com o salário de R$ 1,8 mil. Na 1ª aula de massagem, o criminoso determinou que ela recebesse massagens feitas por ele. Ao ser tocada, ela percebeu as carícias e conseguiu fugir antes de ser estuprada.

Uma funcionária da Agência Chande, localizada no Centro da Capital, disse em depoimento à Polícia Civil que indicou 3 pessoas ao suposto contratador. Inicialmente, Maurício se cadastrou como advogado e pedia clientes mulheres para tirar nomes negativados. Em seguida, relatou que iria abrir uma clínica de estética e precisava de funcionárias para a empresa.

Em 2013, o impostor foi preso acusado de estuprar uma adolescente de 15 anos, que contratou para fazer faxina em sua casa, uma quitinete no bairro CPA 2. A própria mãe, sem suspeitar de nada, encaminhou a garota até a casa. Ela foi estuprada por mais de 1 hora.

Maurício fugiu, mas foi preso depois, em investigações da Delegacia Especializada de Defesa da Criança e do Adolescente (Deddica). Colocado em liberdade, continuou a cometer o mesmo tipo de crime.

De acordo com a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), ele estava preso no Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC) até o dia 5 de janeiro, quando conseguiu comprovar o nível superior e foi transferido para o Centro de Custódia da Capital. De acordo com a Pasta, o alvará de soltura chegou à unidade na tarde desta quarta-feira para ser cumprido. 

O processo contra Maurício tramita sob segredo de Justiça. O Gazeta Digital procurou a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, mas não conseguiu ter acesso à decisão que colocou o acusado em liberdade. Assim, não foi possível saber quais foram os argumentos usados pela defesa e acatados por uma juíza de Cuiabá. 

Voltar Imprimir

Comentários

Juacy da Silva - 09/03/2018

Nao da para acreditar que a Justica possa tomar uma decisao dessas e ainda, por cima, qual a razao do segredo de justice envolvendo um estuprador e pior ainda, se for verdade a informacao, que uma JUIZA, mulher, exatamente no DIA DA MULHER, coloque um tarado, um criminosos, um violentador de mulheres, criancas e adolescents, na rua, livre, leve e solto para cometer outros crimes sexuais. So mesmo no Brasil, isto e a desmoralizacao total do Sistema judiciario que ajuda a impunidade de tantos bandidos, de colarinho de todas as cores. VERGONHA!

Rogério Silva - 08/03/2018

No dia internacional da mulher uma juíza do TJ coloca em liberdade um estuprador de mulheres. Acuda-nos Senhor!!!

NILSON DE ARRUDA PINTO - 08/03/2018

ESSE E O PRESENTE QUE A JUSTIÇA ESTA DANDO PARA AS MULHERES

Luzineth - 08/03/2018

Belo presente para o dia das mulheres...Um homem desse solto por ai..

4 comentários

1 de 1

Enquete

Que proposta voltada às mulheres deveria ser contemplada pelos candidatos?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 18/09/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 25.600 0.790

Algodão R$ 121.140 0.520

Boi a Vista R$ 128.750 -0.870

Soja Disponível R$ 69.000 0.730

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.