Cuiabá, Terça-feira 25/09/2018

Judiciário - A | + A

26.02.2018 | 08h40

Silval desiste de Maluf e Sérgio Ricardo como defesa em ação de R$ 148 mi

Facebook Print google plus

O ex-governador de Mato Grosso, Silval da Cunha Barbosa, desistiu de contar com o deputado estadual Guilherme Maluf (PSDB) e o Conselheiro afastado do Tribunal de Contas de Mato Grosso, Sérgio Ricardo de Almeida, numa ação proposta pelo Ministério Público Federal e o Ministério Público Estadual (MPE) buscando indenização por dano moral de R$ 148 milhões pelos prejuízos e transtornos causados pelas obras inacabadas do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

A ação conjunta do MPF e MPE busca a responsabilização pessoal do ex-governador, do ex-secretário extraordinário da Copa, Maurício Guimarães, e das empresas que formam o Consórcio VLT Cuiabá - CR Almeida S/A Engenharia de Obras, CAF Brasil Indústria e Comércio S/A, Santa Bárbara Construções S/A, Magna Engenharia Ltda e Astep Engenharia Ltda.

Maluf e Sérgio Ricardo Ricardo eram nomes vinculados como testemunhas de defasa na estratégia traçada pelo ex-governador antes da delação premiada. Também foram descartadas as oitivas de Marleide de Oliveira Carvalho, Orlando Silva de Jesus Junior e José Aldo Rebelo de Figueiredo.

Na ação, os ministério Público assinala três prazos irresponsavelmente anunciados para a conclusão da obra, que começou no segundo semestre de 2012 para a construção dos 22 km de trilhos, 33 estações, pátios de manobra entre as cidades de Cuiabá e Várzea Grande (MT).

Apresentado como um projeto moderno e com a promessa de redesenhar o tráfego nas principais avenidas de Cuiabá e de Várzea Grande, melhorar a qualidade e segurança no trânsito entre as duas maiores cidades mato-grossenses ao custo de R$ 1,47 bilhão, o VLT ainda está longe de entrar em funcionamento.

O valor do pedido de condenação foi calculado levando em conta seis requisitos: a gravidade da lesão, o poder econômico dos envolvidos, o eventual proveito obtido, a reprovabilidade da conduta, o prejuízo causado e a vulnerabilidade dos cidadãos, alcançando patamar de cerca de R$ 148 milhões.
 

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Qual sua opinião sobre o voto nulo e voto em branco?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 25/09/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 25.350 -0.390

Algodão R$ 120.170 0.530

Boi a Vista R$ 131.000 0.000

Soja Disponível R$ 74.500 -0.670

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.