Cuiabá, Terça-feira 23/10/2018

Mundo - A | + A

08.06.2018 | 19h46

Especialistas usam amostras de DNA para identificar vítimas de erupção do vulcão

Facebook Print google plus

Médicos forenses tentam identificar as vítimas da erupção do Vulcão de Fogo em um necrotério improvisado na Guatemala. Cerca de 15 especialistas fazem autópsias nos corpos, que chegam embrulhados em lençóis e plástico.

Divulgação/ Ansa

Primeiro, verificam os objetos, como roupas. Em seguida, extraem DNA dos ossos, já que os tecidos estão muito danificados pelo calor extremo dos fluxos vulcânicos. Então, é realizada a comparação com o sangue de possíveis parentes.

Um corpo rígido como uma estátua estava sobre uma das mesas. Ao lado, uma dupla de especialistas analisa a vítima. A mulher faz anotações e o homem fotografa o corpo.

Outras dezenas de corpos estão alinhados no mesmo local, armazenados em sacos plásticos. Ao todo, há 40 cadáveres no necrotério. Eles fazem parte do número confirmado, até o momento, de 109 mortes. Cerca de 200 pessoas estão desaparecidas.

Nesta sexta-feira, 8, autoridades ordenaram novamente que a população desocupasse áreas próximas ao vulcão. Segundo a Coordenadoria Nacional para Redução de Desastres da Guatemala (Conred), fluxos vulcânicos desceram por quatro cânions nesta manhã, ameaçando chegar a áreas ainda não afetadas pela tragédia.

O jardineiro Estuardo Hernandez, de 19 anos, diz ter certeza de onde seus pais estão. Ele conversava com o pai pelo telefone quando milhões de toneladas de cinza vulcânica atingiram San Miguel Los Lotes, uma aldeia situada na encosta do vulcão.

‘Ele me ligou às 15h13 do domingo‘, disse o jovem, enquanto seguia para o trabalho. ‘A última coisa que ele me disse foi para ir para longe daqui. A última coisa que ouvi ele dizer foi ’Entre! Tem muito fogo lá fora’‘. Hernadez diz ter certeza de que os pais estão enterrados pelas cinzas, dentro de casa.

Voltar Imprimir

Comentários

GD

GD

Enquete

Qual sua opinião sobre a influência das redes sociais e WhatsApp nessas eleições?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 23/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 25,10 0,40%

Algodão R$ 94,97 -0,47%

Boi a Vista R$ 136,70 -0,47%

Soja Disponível R$ 69,80 -0,14%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.