Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 16/07/2019

Polícia - A | + A

BEBÊ ESTAVA AO LADO 04.07.2019 | 08h36

Vizinho encontra jovem morta com faca cravada no corpo

Facebook Print google plus

João Vieira

João Vieira

Jovem de 23 anos, identificada como Thaís Mara dos Santos Gomes, foi encontrada morta na tarde de quarta-feira (3), em Primavera do Leste (231 km ao Sul de Cuiabá), com uma faca cravada embaixo do braço. A filha da vítima, de 3 meses, estava ao lado do corpo, toda suja de sangue. 

 

 

De acordo com as informações da Polícia Militar, por volta das 14h45, o marido da vítima ligou para um vizinho, dizendo que não conseguia falar com a esposa e que estava preocupado.   

 

O homem foi até a casa da vizinha, que estava com o portão trancado. Ele pulou o muro, chamou pela mulher, que não respondia.  

 

Leia também - Exame de DNA confirma que 2º ossada encontrada é de Benildes

 

Ele percebeu que a porta estava encostada, entrou na casa e se deparou com o corpo de Thaís ensanguentado, com uma faca cravada no braço.  

 

Ela estava em um colchão na sala. A filha do casal, de 3 meses, estava ao lado da mãe, também suja de sangue.   

 

Polícia no caso

 

O homem chamou a PM que fez o trabalho de isolamento para a Perícia. Conselheiros tutelares também foram chamados e fizeram o acolhimento da criança.  

 

Conforme a testemunha, na noite de terça-feira (2), a vítima teria contado para ele, durante uma conversa na porta de casa, que temia que a sogra atentasse contra ela.   

 

Disse ainda que a sogra contestava a paternidade da filha de Thaís, que segundo ela, seria de outro homem e não de seu filho. 

 

A relação entre sogra e nora era tão complicada que Thaís tinha conseguido ainda uma medida protetiva contra a mulher.   

 

A vítima relatou ainda que a sogra teria vendido um carro dela só para contratar alguém para mata-la. 

 

A testemunha disse ainda que ouviu uma conversa entre Thaís e o marido, onde ela questionava se ele estava na cidade, pois tinha visto o caminhão dele em uma avenida da cidade. 

 

O marido negou, disse que estava em Rondonópolis. A Polícia Civil vai investigar o crime.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

GD

GD

Enquete

Qual sua opinião sobre liberdade de expressão online?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 16/07/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 24,20 0,41%

Algodão R$ 92,33 -0,51%

Boi a Vista R$ 136,00 0,37%

Soja Disponível R$ 68,75 0,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.