Cuiabá, Terça-feira 23/10/2018

Política de MT - A | + A

07.09.2016 | 09h26

Corte de ponto de deputados faltosos será avaliado

Facebook Print google plus

Na próxima semana, o presidente da Assembleia Legislativa Guilherme Maluf (PSDB) avalia em plenário se haverá corte de ponto de deputados que faltaram as sessões que vem ocorrendo somente às quartas-feiras neste período eleitoral.

Conforme levantamento da Secretaria de Serviços Legislativos da Assembleia, desde que as sessões começaram a ocorrer uma vez na semana, já foram realizadas 14, sendo 10 ordinárias, 2 extras e 2 declaratórias (que não foram abertas por falta de quórum). Das 12 sessões efetivamente realizadas, em 7 houve quórum suficiente para deliberação na Ordem do Dia.

Para Maluf, é complicado falar descontar as ausências, porque os deputados podem justificar as faltas.

Outra questão comentada pelo presidente do Parlamento é em relação ao vício de faltas que ocorrem também na Câmara Federal e no Senado. “Apesar de estarmos fazendo um boletim de frequência dos deputado, historicamente isso ocorre no Congresso e em todas as eleições. Mas temos feito o boletim para assegurar o funcionamento da Casa”.

Ele lembrou também que dos 24 deputados, 4 deputados, estão concorrendo ao pleito eleitoral deste ano.

Apenas o tucano Wilson Santos que disputa a prefeitura de Cuiabá, pediu licença do parlamento. Já o candidato por Cuiabá Emanuel Pinheiro (PMDB), por Rondonópolis José Carlos do Pátio (SD) e por Várzea Grande Pery Taborlli (PV) não irão pedir licença parlamentar sob a justificativa de que podem concorrer e participar das sessões das quartas-feiras.

Voltar Imprimir

Comentários

DINA - 08/09/2016

No poder Executivo, o servidor falta e o ponto é descontado sem dó nem piedade, porque no Legislativo, a ausência ainda vai ser avaliada? Por que é complicado falar em descontar ausência? Não tem nada de complicado. Faltou, corte o ponto. O problema é que a corrupção já chegou no inconsciente dos políticos, não conseguem mais distinguir o justo do injusto. Respeitem o dinheiro público.

1 comentários

1 de 1

GD

GD

Enquete

O país vai voltar a se unir após as eleições?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 23/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,15 0,71%

Algodão R$ 115,18 1,08%

Boi a Vista R$ 136,50 1,11%

Soja Disponível R$ 74,05 -0,95%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.