Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 16/09/2019

Política de MT - A | + A

Inquérito 11.09.2019 | 17h48

Delegada volta à atuar no caso da grampolândia pantaneira

Facebook Print google plus

João Vieira

João Vieira

A delegada Ana Cristana Feldner reassumiu nesta quarta-feira (11) as investigações dos grampos ilegais praticados no governo passado que ficou conhecido como grampolândia pantaneira. A portaria de nomeação de designação da delegada para apurar o caso foi assinada nesta quarta, pelo delegado-geral, Mário Dermeval. Ela assumirá o posto de coordenadora das investigações. 

 

Ela havia deixado o caso quando ele passou a ser investigado pelo Superior Tribunal de Justiça, já que o então governador Pedro Taques (PSDB) pediu para ser investigado no caso. Com a derrota de Taques, ele perdeu o foro privilegiado e a investigação voltou a ser conduzida pela Polícia Judiciária Civil (PJC) de Mato Grosso. 

 

Leia também - Mauro reúne base governista e pede apoio a projetos de austeridade

 

No entanto, Feldner ficou fora das investigações em um primeiro momento da "descida" do caso porque estava de licença maternidade. Com o fim de seu afastamento e com a saída do delegado Rafael Scatolon do caso - por conta da sua transfêrencia para a Delegacia Fazendária - Felner foi escolhida para voltar ao caso que investiga membros do alto escalão do governo anterior, até mesmo o ex-governador Pedro Taques - que nega participação no esquema de escutas ilegais. 

 

Ela retornou nesta terça (10) da licença, foi incorporada também devido ao pedido de reforço feito pela 7ª Vara Criminal - responsável por julgar o caso.  

 

"Tem experiência e competência para coordenar a equipe. E já conhece o caso muito bem. Agora bola pra frente. A diretoria tomou a decisão e agora é com a equipe coordenada por ela. A diretoria não interferirá nem participará de qqr ato de investigação", destacou o delegado-geral, Mário Demerval.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

Quem é o principal culpado pelas queimadas?

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 16/09/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,25 1,05%

Algodão R$ 93,56 -0,03%

Boi a Vista R$ 131,30 0,02%

Soja Disponível R$ 67,80 -0,29%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.