Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 23/08/2019

Política de MT - A | + A

polêmica da VI 22.05.2019 | 16h01

Deputados aprovam substitutivo e impõem derrota a Ulisses

Facebook Print google plus
Noelma Oliveira

noelma@gazetadigital.com.br

Karen Malagoli

Karen Malagoli

Substitutivo integral aprovado na manhã desta quarta-feira (22) na Assembleia Legislativa prevê a renúncia, por parte dos deputados, da verba indenizatória (VI) a qualquer período do mandato, seja na sua totalidade ou em parte do valor. 

 

O substitutivo apresentado pelas lideranças partidárias ao projeto de Lei  nº 72/2019, do deputado Ulisses Moraes (DC), descaracteriza a proposta do paralamentar, que pedia a redução de 50% dos valores disponíves da VI, que atualmente é de até R$ 65 mil mensal, além da devida prestação de contas.  

 

 

Os secretários da Casa e os chefes de gabinete também têm direito a VI com um valor menor. Dos 24 deputados estaduais, 20 estavam presentes em plenário. Destes, 17 foram favoráveis ao substitutivo e três votaram contra, além do autor da projeto, os deputados Faissal Kalil (PV) e Silvio Fávero (PSL). 

 

Leia também -  MPE recomenda que Estado não pague RGA aos servidores

 

Ulisses utilizou a tribuna para lamentar o fim do seu projeto. Conforme ele, o Legislativo economizaria R$ 57 milhões em 4 anos, caso a proposta fosse aprovada. "O substitutivo desconfigura o projeto inicial. Tenho a minha primeira derrota na Casa", lamentou o deputado. 

 

Ele aproveitou o momento para renunciar oficialmente 50% da sua VI. O substitutivo integral altera o artigo 4º da Lei nº 9.493, de 29 de dezembro de 2010, que institui a verba indenizatória. 

 

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Qual seria o maior avanço da ciência?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 23/08/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 18,40 0,00%

Algodão R$ 92,92 -0,39%

Boi a Vista R$ 138,00 0,00%

Soja Disponível R$ 68,80 -0,72%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.